Aprenda a eliminar a sensação de bloqueio mental no trabalho com técnicas de mindfulness

Getty Images / damircudic.
Para se libertar do bloqueio mental no trabalho é preciso usar um pouco de reflexão consciente

Uma das reclamações mais comuns que ouço é “sinto-me preso”, acompanhada de “como cheguei aqui?”. Esse sentimento não parece vinculado ao padrão da organização ou remuneração. Ouvi essas palavras serem expressas tanto por aqueles que estão enfrentando dificuldades financeiras ou lidando com algumas dinâmicas de trabalho difíceis como por profissionais altamente remunerados, que têm o que parece ser um emprego dos sonhos.

Você às vezes se sente assim? O que faz quando esses pensamentos e sentimentos surgem? Pode ser tentador afastá-los, abaixar a cabeça e seguir em frente, ou então, como um dos meus alunos favoritos compartilhou uma vez, “eu disse a mim mesmo: ‘Engula isso, seu fracote!’”

VEJA MAIS: Por que a prática da atenção plena é o princípio de uma liderança consciente

Passamos uma quantidade enorme da nossa preciosa vida no trabalho –cerca de 90 mil horas–, portanto, tentar afastar essa sensação e seguir em frente pode não ser a melhor solução e até mesmo se revelar ineficiente. Você já reparou que os sentimentos voltam? Em vista disso, como começamos a nos libertar desta armadilha?

O primeiro passo é perceber o que impediu essa libertação no passado. A tentativa de encontrar uma maneira de escapar da sensação de congelamento parece um esforço enorme, logo são criadas várias razões para não tentar. Questionamentos e frases como “por onde começar?”, “e se eu falhar?” “ninguém vai ouvir”, “é muito arriscado”, “eu deveria apenas ser grato” não somem da mente. A ideia de solucionar o obstáculo passa a se tornar um muro cada vez maior, grande demais para escalar e, portanto, não é colocada em prática.

Mas, e se você mudar as perguntas e usar um pouco de reflexão consciente sobre liderança?

Veja na galeria de imagens a seguir as três etapas de exercícios para ajudar a se libertar e seguir em frente:

  • Etapa 1. Encontre um espaço silencioso e permita que sua mente e corpo se estabeleçam no momento presente. Meditar com a respiração por alguns momentos pode ser útil.

  • Etapa 2. Lembre-se de sua experiência profissional atual. Faça uma lista dos elementos que o bloqueiam. Não se apresse com essa reflexão e seja específico. Escreva-os.

  • Etapa 3. Reflita calmamente com esta pergunta: “Que pequeno passo pode começar a afrouxar um elemento?”. Escolha algo que seja facilmente executável e pequeno. O que você percebe?

    Quebrar essa solução em pedaços pequenos é o caminho para seguir em frente. Continue a explorar essas três etapas, de modo a fazer pequenas alterações e analisar novamente os efeitos. O que está acontecendo com a sensação de ‘estar preso’?

Etapa 1. Encontre um espaço silencioso e permita que sua mente e corpo se estabeleçam no momento presente. Meditar com a respiração por alguns momentos pode ser útil.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).