Como criar um ambiente de segurança psicológica no trabalho

A partir de um estudo do Google, lideranças perceberam que inovar depende de abertura para que todos sejam ouvidos.

Bruna Mattos
Compartilhe esta publicação:
google

Equipes do Google em ação: diversidade e tolerância com os erros são chaves para inovar

Acessibilidade


A capacidade de expressar opiniões com tranquilidade, fazer perguntas e, principalmente, receber ajuda em vez de críticas ao cometer um erro, são algumas das características de um ambiente profissional que oferece segurança psicológica: “Isto é essencial para a inovação nas empresas, lideranças que eliminem ou neutralizem tudo aquilo que desencoraja as pessoas a se expressarem e se arriscarem é muito importante”, diz Luiza Coelho, People Manager da Nuvini, holding do ramo de Software as a Service (SaS).

A executiva dá quatro dicas primordiais para as lideranças desenvolverem um ambiente com segurança psicológica no trabalho: promover um ambiente colaborativo, ser tolerante com os erros, encorajar pessoas a se arriscarem e ter times diversos e inclusivos. Veja abaixo:

SAIBA MAIS: Como o preconceito velado atrapalha a performance de sua empresa

 

Promova um ambiente colaborativo: liderar um negócio exige que seja um ambiente seguro, pautado na confiança e no respeito. Por isso é extremamente importante que todos colaboradores se sintam confortáveis em trabalhar colaborativamente, expondo suas ideias e garantindo que a comunicação ocorra de forma saudável e fluida.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Seja tolerante com erros: a inovação tecnológica vem acompanhada por constantes transformações e isso exige adaptação. Durante esse processo, é possível que erros aconteçam. Eles não devem ser condenados, já que é a partir dos erros que surgem os aprendizados. Colaboradores devem sentir que suas opiniões são relevantes, mesmo que elas tenham equívocos.

Encoraje as pessoas a se arriscarem: o ditado “quem não arrisca, não petisca” tem um fundo de verdade. Não existem receitas prontas para todo tipo de situação, por isso é necessário abrir espaço para o novo e mostrar que todos podem se arriscar, trazendo novos pensamentos sobre velhas questões.

Tenha times diversos e inclusivos: é difícil chegar a ideias e conclusões diferentes quando todas pessoas envolvidas pensam da mesma forma. Uma equipe diversa une uma pluralidade de repertórios e ideias, o que favorece a inovação. Isso também ajuda a manter o ambiente das empresas em consonância com a realidade.

O estudo “Projeto Aristóteles”, realizado pelo Google, procurou entender a características das equipes com melhor desempenho. Os resultados mostram que a forma como as pessoas interagem no trabalho determina o desenvolvimento excepcional ou não das equipes. Além disso, dois fatores são primordiais na hora de construir um ambiente com segurança psicológica dentro de uma empresa: igualdade de tempo em que os membros passam se expressando, e a escuta ativa. Essa dinâmica de troca e pertencimento faz com que as equipes, além de trabalharem em harmonia, obtenham mais sucesso. Por isso, a  segurança psicológica está intimamente ligada ao lucro financeiro.

O bem-estar também é fundamental para o equilíbrio e segurança psicológica. Carol Azevedo, diretora de RH do Google para América Latina, comenta que, durante a pandemia, a empresa iniciou projetos e ações para evitar que as pessoas trabalhem mais do que o necessário. O objetivo da empresa era evitar que isso comprometesse o seu bem-estar e saúde mental. “Uma das ações são os dias de folga globais para todos os Googlers, por exemplo. Com o aumento do número de reuniões virtuais e consequente fadiga, estimulamos os times a criar tempo dedicado para foco em tarefas ou projetos, sem reuniões”, diz.  A companhia instituiu também o Café com Fábio, atual presidente no Brasil,  para aproximar os funcionário da liderança e investir na escuta e em um ambiente aberto a sugestões de todos os lugares.

 

 

 

Compartilhe esta publicação: