Elon Musk e Bernard Arnault perdem US$ 11 bilhões em 24 horas

Ações de empresas comandadas pelos bilionários terminaram o dia em queda no exterior.

Mariangela Castro
Compartilhe esta publicação:
Pool / Equipe Getty Images
Pool / Equipe Getty Images

Após quedas nas ações da Tesla, fortuna de Elon Musk encolhe em US$ 6,9 bilhões

Acessibilidade


Dois dos bilionários mais ricos do mundo perderam US$ 11,1 bilhões entre o fechamento dos mercados hoje (16) e da última sexta-feira. Em 24h úteis, a fortuna de Bernard Arnault, magnata da LVMH e pessoa mais rica do mundo, encolheu em US$ 4,2 bilhões. Já a de Elon Musk, fundador da Tesla e dono da terceira posição no ranking de Bilionários do Mundo da Forbes, encolheu modestos US$ 6,9 bilhões.

As perdas estão atreladas às quedas nos papéis das empresas comandadas pelos bilionários. No caso de Arnault, as ações da LVMH caíram 2,10% na Bolsa de Valores de Paris e 2,12% em Londres. As quedas foram observadas também nos papéis negociados em Milão e na Alemanha.

LEIA MAIS: Dia dos Solteiros; 10 bilionários que estão disponíveis para o amor

A companhia é dona de algumas das maiores marcas de luxo do mundo, como Louis Vuitton e Tiffany. De acordo com estimativas da Forbes, Bernard é o homem mais rico do mundo, com fortuna de US$ 197,4 bilhões.

Elon Musk, a terceira pessoa mais rica do mundo, tem fortuna estimada em US$ 179,9 bilhões pela Forbes. A fonte do patrimônio do self-made são suas empresas, em especial a Tesla, conhecida pelos carros elétricos. As ações da montadora caíram 4,3% no fechamento de hoje na Nasdaq, acompanhando as quedas das empresas de tecnologia na sessão.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O benchmark de tecnologia Nasdaq Composite perdeu 0,20%, encerrando o dia aos 14.793 pontos.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: