Como a estrutura de governança familiar pode ser uma aliada

Alvarez/Getty Images
Alvarez/Getty Images

Implementar regras ajuda a garantir que o estresse das decisões da empresa não seja levado para fora do ambiente de trabalho

A governança é composta por um conjunto de acordos, regras e papéis que serão norteadores para as atuais e futuras gerações familiares.

Então, existe uma dúvida recorrente que escuto quando falamos deste processo que é: será que não estamos engessando a família? Será que não estamos complicando uma relação que tende a ser simples?

Na verdade, a decisão de implementar uma estrutura de governança é o absoluto oposto. É para garantir almoços de domingo sem o estresse das decisões que não cabem numa mesa de almoço.

É deslocar os assuntos para os fóruns certos.

É definir quem deve ser o responsável por cada decisão.

E o mais importante, antever os temas mais delicados antes que os conflitos sejam vividos.

Alguns exemplos de temas delicados e que podem ser planejados nas regras de governança familiar:

A utilização das propriedades da família: quem pode usar? Como serão tratados os custos? Pode ser emprestada para amigos da família?

Espaços dos negócios: os familiares podem utilizar salas, auditórios, recursos da empresa como aviação da empresa? Cônjuges? Podem trabalhar nos negócios? Podem se tornar acionistas?

Todos estes temas são passíveis de decisão e alinhamento, e quando definidos previamente e comunicados, evitam uma série de desgastes desnecessários.

Flávia Camanho Camparini é consultora em governança familiar e estratégia de desenvolvimento humano, fundadora do Flux Institute e partner facilitator dos programas do Cambridge Family Enterprise Group e do IBGC.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Os artigos assinados são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem, necessariamente, a opinião de Forbes Brasil e de seus editores.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).