Don Melchor se torna unidade de negócios independente da Concha y Toro

Resumo:

  • Don Melchor, cabernet sauvignon ícone chileno, comemora 30 anos de mercado;
  • A vinícola se torna unidade independente de negócios da Concha y Toro, sob comando do enólogo Enrique Tirado;
  • A safra 2017 chega ao mercado brasileiro na próxima semana.
Divulgação
O enólogo Enrique Tirado assume a gerência geral da Viña Don Melchor

A Viña Don Melchor passa a ser uma unidade de negócios independente da chilena Concha y Toro. O anúncio foi feito pelo agora gerente-geral da vinícola e enólogo da marca há mais de 20 anos, Enrique Tirado, em jantar especial para comemorar os 30 anos do vinho ícone, em São Paulo.

Segundo ele, a criação da Viña Don Melchor, que tem produção de até 168 mil garrafas ao ano no terroir de Puente Alto, responde ao interesse de fortalecer a marca, focando em canais de distribuição de alta imagem e em mercados nos quais existe um grande potencial de crescimento, como o Brasil.

LEIA MAIS: 30 melhores vinhos do mundo

“A desvinculação da Concha y Toro era o passo seguinte em nosso caminho. Um movimento lógico no crescimento de Don Melchor que, há mais de dez anos, funciona de maneira autônoma em termos de manejo agrícola e enológico”, afirma Tirado.

Safra 2017

A vinícola, referência em cabernet sauvignon, lança a safra 2017 (98% cabernet sauvignon e 2% cabernet franc, com 15 meses em barris de carvalho francês) de Don Melchor no mercado brasileiro na segunda-feira (2). O preço sugerido é R$ 704. O vinho já chega batendo os 99 pontos no renomado ranking James Suckling.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).