3 ações simples que fazem empreendedores serem melhores gerentes

kate_sept 2004/ Getty Images
kate_sept 2004/ Getty Images

As funções requerem habilidades diferentes, mas muitos pequenos negócios não têm infra-estrutura para ambos os cargos

É quase impossível para uma pessoa ser um grande gerente e um grande empreendedor ao mesmo tempo. Isso ocorre porque esses dois trabalhos exigem conjuntos de habilidades completamente diferentes.

Os empreendedores precisam de uma mentalidade imaginativa e de crescimento, bem como um foco claramente definido para vender ideias. O empreendedorismo também requer uma determinação teimosa, coragem e uma resistência emocional implacável.

LEIA MAIS: 16 ideias para confraternizações de empresas em ano de pandemia

Os gerentes, por outro lado, exigem níveis extremos de foco, paciência e presença. Uma boa administração também requer atenção aos detalhes, tempo para pensar profundamente em tópicos individuais e flexibilidade para motivar os funcionários de maneira adequada.

Não é de se admirar que a pergunta número um que ouço de empreendedores frustrados é “Por que eles não fazem o que eu quero que eles façam?”. A resposta está no fato de que mesmo os empreendedores mais brilhantes e bem-sucedidos podem ser fracos no gerenciamento de sua equipe. É por isso que proprietários de empresas espertos contratam um diretor de operações (COO) para fazer isso por eles, reconhecendo que eles próprios não serão bons nisso.

Este é um verdadeiro desafio para startups que ainda não têm recursos suficientes para ambas as funções. Então, o que pode ser feito?

Na galeria a seguir, veja três dicas simples que todo o empreendedor pode realizar para gerenciar melhor o seu pessoal e deixar os funcionários da empresa mais motivados:

  • 1. Não cancele reuniões e apareça na hora certa

    Os funcionários precisam de tempo com o chefe, mesmo que ele seja o proprietário da empresa e esteja sempre ocupado. Quando não há problemas críticos a serem resolvidos e os negócios estão estáveis, os empreendedores tendem a fraquejar no relacionamento com sua equipe. Mas a relação é fundamental. Afinal, quem quer trabalhar com ou por alguém que mal conhece ou entende? E quem quer trabalhar para alguém que só aparece quando tem compromissos na agenda? A motivação de funcionários vem dentro do contexto de um relacionamento, e é preciso consistência e presença, no mínimo, para construir um. Chegar na hora certa às reuniões é uma ação simples e muito benéfica. Ela transmite às pessoas que você se preocupa com elas e que o tempo delas é tão valioso quanto o seu, além de mostrar o respeito que você busca em troca.

    dowell/ GettyI mages
  • 2. Estabeleça expectativas e metas claras

    Grandes empreendedores têm grande visão, mas muitas vezes não sabem criar as pequenas tarefas necessárias para alcançá-la. Isso normalmente não é tão ruim, porque, afinal, se você contratar as pessoas certas, elas podem descobrir isso para você. No entanto, muitas vezes, especialmente nas fases iniciais de um projeto, a equipe precisará de uma direção mais clara e afirmativa. Ouvir orientações diretamente do proprietário da empresa, ter a capacidade de dar respostas esclarecedoras e ser capaz de alavancar soluções por brainstorming aumenta rapidamente a capacidade dos funcionários de alcançar metas. E como fazer com isso continue? Agradecendo por seu trabalho. Portanto, não se esqueça de dizer ao seu pessoal que eles fizeram um bom trabalho, bem como de encontrar outras maneiras de celebrar seu esforço e mostrar gratidão.

    Sam Diephuis/ Getty Images
  • 3. Pergunte “Como posso ajudar?” e ouça com atenção

    Sim, você os contratou para trabalhar. Sim, o salário deles é uma boa recompensa por isso. Mas não é tão difícil perguntar como você pode ajudar o seu pessoal com diretrizes e objetivos. A pergunta “Como posso ajudar?” transmite interesse, cuidado e intenção de formar uma equipe unida e não uma ditadura. Então, quando você ouvir, realmente ouça. Se você precisar sentar em silêncio por um minuto para obter uma solução, sente-se em silêncio por um minuto para obter uma resposta. Sessenta segundos sem se mover ou falar para ouvir ativamente pode ser um desafio, mas persista. Em seguida, certifique-se de realmente ajudar. Esse acompanhamento é simbolicamente importante para o relacionamento e a equipe que você está construindo. Na verdade, é mais importante do que a própria ação.

    kate_sept 2004/ Getty Images

1. Não cancele reuniões e apareça na hora certa

Os funcionários precisam de tempo com o chefe, mesmo que ele seja o proprietário da empresa e esteja sempre ocupado. Quando não há problemas críticos a serem resolvidos e os negócios estão estáveis, os empreendedores tendem a fraquejar no relacionamento com sua equipe. Mas a relação é fundamental. Afinal, quem quer trabalhar com ou por alguém que mal conhece ou entende? E quem quer trabalhar para alguém que só aparece quando tem compromissos na agenda? A motivação de funcionários vem dentro do contexto de um relacionamento, e é preciso consistência e presença, no mínimo, para construir um. Chegar na hora certa às reuniões é uma ação simples e muito benéfica. Ela transmite às pessoas que você se preocupa com elas e que o tempo delas é tão valioso quanto o seu, além de mostrar o respeito que você busca em troca.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).