C-Suite: Ricardo Wagner é o novo diretor de trabalho moderno e segurança da Microsoft Brasil

Divulgação
Divulgação

O executivo Ricardo Wagner retorna ao país após uma experiência internacional de sucesso na subsidiária do Canadá

De olho na troca de cadeiras corporativas da última quinzena, a C-Suite destaca nesta edição o setor de serviços financeiros. O Banco Original anunciou Alexandre Conceição como o novo CEO da Original Hub, braço da empresa dedicado aos negócios B2B. O cargo recém-criado faz parte da estratégia da companhia de acelerar sua oferta de BaaS (Banking as a Service). Enquanto isso, o Banco Mercedes-Benz apresentou, pela primeira vez nos seus 25 anos de história, uma mulher como a nova presidente da instituição no Brasil. A alemã Hilke Janssen chega ao país após liderar a empresa na Coreia do Sul e na Malásia.

Na área de pagamentos online, Gabriel Porto começou na Sem Parar como novo CMO (chief marketing officer). O executivo estará à frente das áreas de marketing, ativação de clientes, produtos, UX, e-commerce, CRM e NPS.

LEIA MAIS: C-Suite: V Ashok é o novo chief financial officer da ACG

No setor de alimentos, a Superbom anunciou a contratação de Juliana Paes como nova diretora de inovação, enquanto David Oliveira foi promovido a diretor comercial e de marketing. Na Nespresso, Monica Lopes é a nova diretora de marketing da empresa no Brasil.

Nesta edição, a C-Suite conversou com Ricardo Wagner, novo diretor de trabalho moderno e segurança da Microsoft Brasil. O executivo retorna ao país após uma experiência internacional na subsidiária canadense, onde atuou na área de marketing de produto, auxiliando clientes corporativos e pequenas e médias empresas. Antes de ingressar na Microsoft, Wagner, que é formado em economia pela Universidade Mackenzie, atuou durante sete anos na HP, onde trabalhou nas áreas de vendas e marketing.

Leia, a seguir, os planos do executivo na nova posição:

Forbes: O que faz exatamente um profissional responsável pela área de “trabalho moderno”?

Ricardo Wagner: Meu trabalho está alinhado a um dos objetivos da companhia: empoderar cada pessoa e cada organização do planeta a conquistar mais. Tenho como responsabilidade alocar recursos financeiros e os talentos necessários para garantir a melhor experiência dos nossos clientes e também liderar a execução das áreas de marketing de produto, operações, parceiros, vendas e suporte das ferramentas de trabalho e segurança da Microsoft, como o Microsoft 365, passando pelas ferramentas de produtividade e colaboração, como o Microsoft Teams, que registrou mais de 145 milhões de usuários ativos diários em abril deste ano – quase o dobro em relação ao ano anterior. Hoje, pessoas e organizações trabalham e colaboram de qualquer lugar, criando possibilidades e desafios que podem transformar negócios e até indústrias. Tenho como missão empoderar líderes de negócios brasileiros nesta transformação digital.

F: O que as grandes empresas devem levar em consideração ao se adaptar para os novos modelos de trabalho no pós-pandemia?

RW: A pandemia transformou fundamentalmente a forma como trabalhamos e atendemos aos clientes, e nos ensinou que muitas coisas podem ser feitas remotamente – muito mais do que pensávamos ser possível. Embora a força de trabalho móvel esteja se desenvolvendo há algum tempo, líderes ainda estão, de muitas maneiras, tentando acompanhar o desenvolvimento e determinar a melhor maneira de liderar suas equipes, que podem estar espalhadas por cidades, estados ou mesmo países diferentes. No entanto, como a tecnologia avançou a passos largos, gerenciar projetos online é certamente mais fácil agora do que no passado. Claro, encontrar o próprio caminho para uma liderança de sucesso dependerá, em grande parte, do estilo pessoal, da cultura corporativa e dos membros da equipe.

Mesmo quando a pandemia acabar, o mundo de trabalho não será mais o mesmo. Sabemos que muitas companhias estão estudando ou já implementando o modelo de trabalho híbrido com o suporte da tecnologia para garantir que as pessoas possam trabalhar de onde estiverem. A interação entre os times acontecerá independentemente de estarem em um ambiente físico. Reuniões podem ser realizadas com participantes no escritório e outros em suas casas. Para que essa transição seja bem-sucedida, além das ferramentas certas, é preciso que as organizações treinem seus funcionários para as novas tecnologias, adotem novos processos e que todas as possíveis soluções de segurança sejam implementadas. Vivemos uma era fantástica, com possibilidades incríveis.

F: Em relação à segurança, quais foram as tendências deixadas pela pandemia?

RW: A pandemia impulsionou a adoção de formatos de trabalho remoto e isso estimulou as empresas a implementarem os controles necessários para atenuar os principais riscos. É importante reforçar que não existem tecnologias ou processos que eliminem completamente o risco cibernético, mas os funcionários podem ser conscientizados sobre a manipulação segura de informações confidenciais e a forma de identificar ameaças e detectar ataques em tempo hábil.

VEJA TAMBÉM: C-Suite: Pablo Cordón é o novo diretor de transformação digital da Atento

Na minha opinião, entre as principais tendências de segurança para esse novo momento, e que precisaram ser priorizadas tendo em vista o cenário atual de transformação digital e ataques cibernéticos, está a migração para a nuvem. Este é o primeiro passo para possibilitar um trabalho remoto seguro, alcançar a eficiência operacional, lidar com restrições orçamentárias de TI e acelerar a inovação. Em seguida, está a adoção da estratégia de empatia digital com um mundo sem senhas, em que o acesso com autenticação de vários fatores (MFA) é mais fácil. Dessa forma, os usuários não precisam mais lembrar ou trocar suas senhas e podem usar recursos nativos da plataforma, evitando assim a exposição de suas senhas. Depois vem a execução de simulações de ataques de phishing benignas para testar as políticas e práticas de segurança, além de treinar os funcionários para aumentar o conhecimento e diminuir a suscetibilidade a ataques. E, por fim, o machine learning, amplamente utilizado em soluções de segurança para detectar continuamente novos tipos de ataques e comportamentos anormais, identificar e mitigar tentativas de roubo de dados ou uso indevido de credenciais de acesso.

F: O que você espera dos primeiros seis meses como diretor de trabalho moderno e segurança da Microsoft Brasil?

RW: A transformação digital, antes um imperativo para obter vantagem competitiva, agora é a chave para a resiliência e a mudança dos negócios em todo o mundo. E o trabalho híbrido não é apenas um avanço em relação ao trabalho remoto, mas sim um momento crucial para companhias e pessoas, globalmente. Meu papel será apoiar nossos clientes e o mercado como um todo a passar por essas mudanças e adaptações, por meio de soluções de colaboração, produtividade e segurança.

Veja, abaixo, outras movimentações C-Level que ocorreram nos últimos 15 dias:

  • Banco Mercedes-Benz apresenta Hilke Janssen como presidente e CEO no Brasil

    Um marco em seus 25 anos de história, o Banco Mercedes-Benz apresenta Hilke Janssen como a primeira mulher a ocupar o cargo de presidente e CEO do banco no Brasil. A executiva alemã chega para somar com seus mais de 20 anos de carreira no setor financeiro. Hilke, que atuou como CEO da instituição financeira na Coreia do Sul e na Malásia, terá seu foco na inovação, com apostas em iniciativas de transformação digital e na co-criação dos colaboradores para o crescimento do negócio.

    Divulgação
  • Vladimir Centurião deixa o país para assumir a vice-presidência da Toyota no Peru

    A Toyota do Brasil anunciou que o diretor de operação de vendas, pós-vendas e marketing Vladimir Centurião deixará o país para assumir a vice-presidência da empresa no Peru. Formado em economia pela PUC de São Paulo e com pós-graduação em business e marketing pela ESPM, o executivo iniciou sua trajetória na fabricante de automóveis em 2003 como analista de planejamento de vendas. Ao longos desses 17 anos, acumulou passagens importantes por diversos setores da montadora, onde ocupou as posições de gerente de vendas diretas e gerente nacional de vendas.

    Divulgação
  • Original Hub anuncia Alexandre Conceição como novo CEO

    Como parte da estratégia para acelerar a oferta de BaaS (banking as a service), o Banco Original anunciou a contratação de Alexandre Conceição para o recém-criado cargo de CEO da Original Hub, braço da companhia dedicado aos negócios B2B. Com uma extensa carreira acadêmica e profissional, o executivo é formado em processamento de dados e em distribuição de sistemas com objetos orientados pela Universidade de Brasília e em liderança e gestão pelo MIT Sloan School of Management, além de possuir um MBA executivo pela NYU Stern School of Business. Nos últimos anos, Conceição atuou como conselheiro nas empresas Ativos Securitizadora e Ativos Gestão, fez parte do Comitê de Auditoria da Cielo e trabalhou no Banco do Brasil até se tornar CIO (chief information officer) da subsidiária BB Tecnologia e Serviços.

    Divulgação
  • Sem Parar anuncia Gabriel Porto como novo CMO

    O Sem Parar, companhia de pagamentos automáticos, anunciou a contratação de Gabriel Porto como novo CMO (chief marketing officer). O executivo estará à frente das áreas de marketing, ativação de clientes, produtos, UX, ecommerce, CRM e NPS. Formado em publicidade e propaganda pela Universidade Anhembi Morumbi, Porto acumula cases de sucesso em companhias de diversos segmentos, como Mercado Livre, Catho e a Dafiti.

    Divulgação
  • ClickBus anuncia Rodrigo Polacco como novo diretor de operações e produtos

    A ClickBus, plataforma de venda online de passagens rodoviárias, apresentou Rodrigo Polacco como seu novo diretor de operações e produtos. O executivo chega à companhia para estrear a posição que tem como objetivo o comando das equipes de marketing, data, produtos e estratégia. Com mais de 20 anos de experiência na liderança de projetos de transformação digital e customer experience, Polacco acumula passagens pela Vivo, Walmart.com e Cyrela, onde foi responsável pelas áreas de e-commerce, produtos, marketing e growth.

    Divulgação
  • Nespresso tem nova diretora de marketing

    A marca de cápsulas de café Nespresso anunciou Monica Lopes como a nova diretora de marketing da empresa no Brasil. Com mais de 17 anos de experiência na área, a executiva ocupava anteriormente a posição de diretora global de client success no Gympass, companhia onde trabalhou por quatro anos. A gestora conta também com passagens pela multinacional francesa BIC e pela Nestlé, onde atuou na Malásia e na Suíça.

    Divulgação
  • Frederico Kessler é o novo diretor de incorporação da Bait

    O engenheiro civil Frederico Kessler assumiu o cargo de diretor de incorporação da Bait, empresa dos sócios Henrique Blecher, David e Amanda Klabin e Eduardo Tckaz. Com 20 anos de experiência no setor, o executivo já passou por empresas como Gafisa, Rossi, Even e Brookfield (Tegra). Kessler também é pós-graduado em administração de negócios pelo Ibmec e em gerenciamento de projetos pela FGV.

    Divulgação
  • Kodak Alaris apresenta novo diretor comercial no Brasil

    Oscar Rodríguez é o novo diretor comercial no Brasil da Kodak Alaris, provedora de soluções de softwares para empresas. Com mais de 15 anos de experiência no mercado, o executivo já atuou na Lutron Electronics e na Armstrong World Industries. O norte-americano deve continuar sediado em Miami, nos Estados Unidos, mesmo com a nova posição.

    Divulgação
  • Medipreço anuncia novo CFO

    A Medipreço, startup especializada no cuidado à saúde e bem-estar de colaboradores de empresas, anunciou a chegada de Rafael Yoshihara como seu novo CFO (chief financial officer). O profissional leva à companhia sua experiência na área financeira de empresas nacionais e multinacionais como Logicalis, General Mills, Itaú, Banco Toyota, Kroton e Gympass, onde foi CFO para América Latina e Europa.

    Divulgação
  • Neo promove Bruno Consul a vice-presidente de negócios digitais

    A Neo, empresa especializada em tecnologia, anunciou Bruno Consul como seu novo vice-presidente de negócios digitais. Integrante do board de diretores desde 2020, quando assumiu o cargo de chief digital officer, o executivo é especialista na aplicação de novas tecnologias nos mais diversos setores, com ênfase em big data, inteligência artificial e RPA. Pós-graduado em liderança e inovação pelo MIT (Massachusetts Institute of Technology), o novo VP conta com ampla experiência em empresas como Capgemini e Stefanini Rafael.

    Divulgação
  • Noufer Ananias Silva é o novo diretor de alianças estratégicas da everis Brasil

    A everis, consultoria multinacional de negócios e TI, comunicou que Noufer Ananias Silva é o novo diretor de alianças estratégicas no Brasil. O executivo assume com a missão de consolidar as relações da marca com os principais parceiros do mercado, como Microsoft, AWS, Google, Salesforce, Red Hat e IBM, entre outros. Ao longo dos 25 anos de experiência no setor, o profissional atuou na NTT Data Brasil, onde foi vice-presidente da subsidiária brasileira por quase dois anos.

    Divulgação
  • JDE Brasil anuncia nova diretora de marketing

    A JDE (Jacobs Douwe Egberts), empresa global do mercado de cafés e chás, comunicou a chegada de Susana Hernández Crespo como nova diretora de marketing para o Brasil. A executiva substituirá Tina Cação, que passa a liderar a área de vendas da empresa em âmbito nacional. Antes de assumir o novo desafio, Susana era a diretora global de marketing da JDE para as categorias de grãos e torrado & moído e atuava na sede da companhia na Holanda. Agora, a executiva desembarca em território brasileiro com o objetivo de impulsionar marcas como L’OR, Pilão, Café do Ponto, Damasco e Café Pelé. Nascida na Espanha e com mais de 25 anos de experiência, Susana é formada em ciências econômicas e administração de empresas pela Universidade de Barcelona, além de ter especializações pela IESE Business School e pela HEC Liège Management School.

    Divulgação
  • Movile anuncia novo líder de privacidade e proteção de dados pessoais

    A Movile, empresa desenvolvedora de negócios de tecnologia, comunicou a promoção de Leandro Astorga para a posição de DPO (data protection officer). Com mais de 15 anos de atuação no mercado, o executivo acumula passagens pela BNY Mellon, Um Investimentos, IRB Brasil e pelo Grupo Globo. Astorga é graduado em direito e possui LL.M. em direito empresarial pela Fundação Getulio Vargas. Também conta com especializações em time management pela Harvard Manage Mentor e em data protection officer pela FGV.

    Divulgação
  • Renan Torres é o novo diretor nacional de vendas da Arklok

    A Arklok, empresa especializada em outsourcing de infraestrutura tecnológica, anunciou Renan Torres como seu novo diretor nacional de vendas. O executivo é graduado em administração de empresas e possui MBA’s em gestão de negócios e economia pela Singularity University e pela FIAP, respectivamente. Com mais de 15 anos de experiência nas áreas de TI e telecom, Torres tem passagem pela direção de empresas como Transit Telecom, Itaceu Tecnologia e Americanet.

    Divulgação
  • Timbro apresenta novo head de aeronaves

    A Timbro, trading de comércio exterior, apresentou seu novo head comercial para a área de aeronaves: o executivo Philipe Figueiredo. O gestor ficará responsável por incrementar a logística e a fiança da comercialização de aviões e helicópteros. Com 23 anos de experiência em vendas, Figueiredo é formado em negócios internacionais pelo Centro Universitário Newton Paiva, de Belo Horizonte (MG). Antes de chegar a Timbro, o profissional atuou em empresas como Líder Aviação e Honeywell, onde chegou a ser diretor de vendas e negócios para Latam.

    Divulgação
  • Superbom anuncia novas lideranças para o setor comercial e de inovação

    A Superbom, produtora de alimentos saudáveis, anunciou mudanças em seu time de liderança. Uma delas é a chegada de Juliana Paes como a nova diretora de inovação. Graduada em engenharia de alimentos pela Universidade Federal de Goiás e doutora na mesma área pela Universidade Estadual de Campinas, a executiva atua no setor há mais de dez anos. Já David Oliveira foi promovido a diretor comercial e de marketing. O profissional é formado em publicidade pela Universidade Santo Amaro, pós-graduado em gestão de marcas pela Anhembi Morumbi e possui MBA em marketing pela ESPM.

    Divulgação
  • SONDA anuncia novo diretor de workplace services

    A SONDA, empresa de soluções e serviços de tecnologia, comunicou que o executivo Emerson Paliuco é o novo diretor de workplace e infrastructure services da companhia. Com MBA pela Fundação Dom Cabral, especialização na Boston University e graduação em tecnologia mecânica, o profissional possui cerca de 20 anos de experiência em posições de gestão e liderança de negócios. Antes de ingressar na SONDA, Paliuco teve passagens por empresas como IBM, Toshiba e Lenovo.

    Divulgação

Banco Mercedes-Benz apresenta Hilke Janssen como presidente e CEO no Brasil

Um marco em seus 25 anos de história, o Banco Mercedes-Benz apresenta Hilke Janssen como a primeira mulher a ocupar o cargo de presidente e CEO do banco no Brasil. A executiva alemã chega para somar com seus mais de 20 anos de carreira no setor financeiro. Hilke, que atuou como CEO da instituição financeira na Coreia do Sul e na Malásia, terá seu foco na inovação, com apostas em iniciativas de transformação digital e na co-criação dos colaboradores para o crescimento do negócio.


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).