Letícia Nanci: Autocuidado é o novo olhar para a saúde da pele

People Images/Getty Images
People Images/Getty Images

Se, no passado, realizar um tratamento estético podia soar como futilidade, hoje, a prática é vista como autocuidado

Autocuidado. A palavra tão na moda nos dias de hoje, incorporada ao nosso dicionário e à nossa rotina desde o início da pandemia, define o conjunto de atitudes e hábitos bem-vindos ao corpo, à mente e à sociedade a que todos os cidadãos têm direito. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o autocuidado é uma prática que diz respeito a uma atitude ativa e responsável em relação à qualidade de vida. Não basta tratar as enfermidades. É preciso buscar a prevenção, adotando hábitos saudáveis, como boa nutrição e atividades físicas.

Não há dúvidas de que a pandemia nos fez pensar, repensar e reavaliar a nossa rotina, o nosso jeito de viver a vida, e os nossos planos para o futuro. Ter mais tempo, diante de uma realidade de home office, menos viagens e escassez de atividades de convívio social, nos proporcionou um olhar mais cuidadoso para dentro de nós. Em outras palavras: convidou-nos ao autocuidado. De acordo com o estudo Panorama Covid-19, uma pesquisa online realizada pelas áreas de pesquisa e inteligência de mercado da Globo, além de buscarem maior convivência familiar, 81% dos brasileiros estão buscando ter um estilo de vida mais saudável, e 96% declararam que vão manter os hábitos de higiene que adquiriram durante o período de isolamento social. A pesquisa também destaca o aumento na procura por conteúdos relacionados a temas como saúde e bem-estar.

“Não basta tratar as enfermidades, é preciso buscar a prevenção, adotando hábitos saudáveis, como boa nutrição e atividades físicas.”

Como dermatologista, tenho presenciado esse mesmo movimento no meu consultório. Sinto que os meus pacientes, tanto as mulheres quanto os homens, estão mais preocupados e atentos à saúde, em detrimento da beleza e da estética. Tenho constatado uma compreensão muito maior de que cuidar da pele ultrapassa o apelo estético, uma vez que a pele é o maior órgão do corpo humano e deve ser tratada com a devida importância e seriedade. Nesse sentido, enfatizo um novo olhar para a dermatologia que prega os cuidados com a pele de dentro para fora, e não o contrário, com destaque absoluto para os procedimentos que promovem a regeneração e a remodelação dérmica, além de estimular a produção de colágeno, sempre respeitando a individualidade de cada paciente. É o reforço da dermatologia que sempre acreditei e pratiquei em meu consultório: a da prevenção, passo fundamental para o envelhecimento saudável e natural.

Se, no passado, realizar um tratamento estético podia soar como futilidade, hoje, a prática é vista como autocuidado, como uma pausa extremamente prazerosa do dia para cuidar de si. Sinto os meus pacientes, que antes viviam com pressa e no automático, conseguindo apreciar cada minuto da sua limpeza de pele ou do seu tratamento capilar, por exemplo, entendendo que aquele momento diz muito sobre saúde, autoestima, confiança e bem-estar. É parte essencial do meu trabalho mostrar ao paciente a importância de investir no autocuidado, sempre reforçando o conceito do wellness, em que corpo e mente estão integrados, e a nossa saúde é fruto de um conjunto de fatores, que também passa pela alimentação saudável, prática de atividade física e de atividades de relaxamento, terapia e lazer. Portanto, vamos focar na saúde, prevenção e embelezamento com responsabilidade.

Dra. Letícia Nanci é médica do Hospital Sírio-Libanês, médica-responsável pela Clínica Dermatológica Letícia Nanci, membro efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), da American Academy of Dermatology (AAD) e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD).

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Os artigos assinados são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem, necessariamente, a opinião de Forbes Brasil e de seus editores.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).