Mike Tyson lança bala de goma de cannabis em formato de orelha mordida

Bala faz referência à mordida infame que Mike Tyson deu na orelha direita do ex-boxeador profissional americano Evander Holyfield.

Dario Sabaghi
Compartilhe esta publicação:
Reprodução Instagram
Reprodução Instagram

Mordida em Holyfield custou a Tyson uma desqualificação do Campeonato Mundial de Pesos Pesados ​​da Associação Mundial de Boxe em 1997

Acessibilidade


A marca de cannabis de Mike Tyson, Tyson 2.0, lançou Mike Bites, uma bala de goma de cannabis em forma de orelha mordida em referência à mordida infame que ele deu na orelha direita do ex-boxeador profissional americano Evander Holyfield.

A mordida custou a Tyson uma desqualificação do Campeonato Mundial de Pesos Pesados ​​da Associação Mundial de Boxe em 1997. Sua licença de boxe foi revogada e ele foi multado em US$ 3 milhões.

“Santas orelhas! Eles estão finalmente aqui! Vá buscar o seu Mike Bites agora”, disse a empresa em 15 de março, postando uma foto de um pacote Mike Bites em suas contas do Instagram e Twitter. As gomas de orelha de Mike Bites têm uma marca de mordida no topo da goma, exatamente onde Tyson arrancou um pedaço da cartilagem de Holyfield.

Tyson deu a aprovação final do produto, respondendo a um tuíte sobre o novo produto escrevendo: “Essas orelhas realmente têm um gosto bom!”

O anúncio das Mike Bites se tornou viral. Elas já estão sendo comercializadas na Califórnia e também serão vendidas em Nevada em duas semanas e em outros estados onde o consumo de cannabis recreativa é legalizado.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Em entrevista ao Yahoo! Finance, o cofundador e presidente da Tyson 2.0, Chad Bronstein, explicou que Mike Tyson e Evander Holyfield se reconciliaram e têm um ótimo relacionamento agora.

Ele acrescentou que Tyson e Holyfield têm respeito mútuo, apesar dos eventos que levaram Tyson a morder a orelha direita de Holyfield há quase 25 anos.

Em 2019, Tyson recebeu Holyfield no Hotboxin’ de Tyson  um podcast popular co-organizado por Tyson e o ex-jogador da NFL Eben Britton.

 Mike Tyson no mercado de cannabis

Perguntado sobre por que Tyson é tão bem sucedido no espaço da cannabis, Adam Wilks, CEO da  Tyson 2.0, disse ao Yahoo! Finance que ele é um defensor da cannabis desde sempre. Ele acrescentou que se tornou uma das poucas celebridades que entrou na indústria e teve sucesso total.

Tyson, que é considerado um dos maiores boxeadores peso-pesados ​​de todos os tempos, se aposentou da cena do boxe em 2005. Mais tarde, ele se interessou por atuar em filmes, TV e podcasts e entrou na indústria da cannabis.

Mike Tyson começou sua carreira como empresário de cannabis após a legalização da cannabis recreativa na Califórnia em 2016.

O ex-campeão de boxe criou o Tyson Ranch no sul da Califórnia em 2017. No entanto, de acordo com Wilks, o negócio faliu devido à má gestão e à falta de conhecimento sobre cannabis. “Infelizmente, a gestão não foi o que deveria ter sido”, disse ele em entrevista à Westword em novembro de 2021.

Nos últimos anos, Tyson revelou que usou cannabis para relaxar e se concentrar mentalmente durante sua carreira de lutador.

Mais sobre cannabis:

Mercado paralelo de cannabis em Nova York movimenta bilhões, mesmo após legalização

Brasileiros revolucionam o mercado de cannabis nos EUA

Sommelier de maconha: curso forma especialista para orientar consumo

Fumar maconha não vai te proteger da Covid-19; entenda

Mercado de cannabis tem explosão de demanda por empregos

Compartilhe esta publicação: