Lua de mel: especialistas indicam os melhores lugares para 2022

Agências de turismo de luxo contam quais são suas apostas, com opções para diferentes tipos de casal e estilos de viagem.

Giovanna Simonetti
Compartilhe esta publicação:
 SHansche/Getty Images
SHansche/Getty Images

As Maldivas são um dos lugares clássicos para uma lua de mel

Acessibilidade


A lua de mel é a viagem dos sonhos de muitos casais. Logo depois de trocar alianças, eles desejam partir para um destino romântico ou para uma aventura. Esse momento tão esperado teve que ser adiado desde de 2020, com a pandemia de Covid-19. Dois anos depois, o cenário começa a mudar.

Agora, com cada vez mais pessoas vacinadas e restrições de entrada nas fronteiras internacionais sendo flexibilizadas, é possível voltar a fazer planos – tanto para as viagens de lua de mel quanto para as próprias festas de casamento, remarcadas seguidamente. Para 2022, a expectativa é promissora diante da demanda reprimida até o ano passado: o setor de casamentos deve movimentar cerca de R$ 40 milhões e espera-se um milhão de cerimônias neste ano no Brasil, de acordo com uma pesquisa feita pela plataforma casamentos.com.br.

VEJA TAMBÉM: Conheça os 10 lugares mais lindos do mundo, segundo a ciência

Por isso, a hora de escolher para onde ir é agora. Forbes Brasil consultou três agências de turismo de luxo – Teresa Perez Tours, Primetour e Kangaroo Tours – para descobrir quais destinos de lua de mel elas mais indicam para este ano e para 2023 e quais as melhores hospedagens e experiências em cada um dos locais. 

Algumas tendências se sobressaíram. Além de destinos brasileiros para quem não se sente seguro para viajar ao exterior, locais em conexão com a natureza (especialmente praias isoladas) e a busca por hotéis de alto nível se manterão em alta nos próximos meses. 

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Confira a seguir seis tendências de lugares para passar a lua de mel e dicas de destinos de luxo pelo mundo, para todo tipo de casal e experiência:

1) Viagens nacionais

Principalmente para o primeiro semestre deste ano, para casais que sentem receio da Covid-19 e de possíveis restrições de fronteiras no exterior, viajar pelo Brasil pode ser uma ótima opção. “Com a pandemia, muitos viajantes adaptaram o sonho da lua de mel perfeita e decidiram fazer uma viagem para onde dá, mais por perto, e depois ir para seu destino dos sonhos, quando for mais seguro”, explica Fernando Pigoretti, gerente de treinamento e desenvolvimento na Teresa Perez Tours, responsável por identificar tendências de viagem. 

Mesmo que fora do ideal, ainda é possível fazer grandes viagens nacionais, especialmente para lugares de natureza. A Teresa Perez Tours viu um aumento da procura por lodges na Amazônia (como o Anavilhanas Lodge), com chalés e bangâlos no meio da floresta. Além disso, a agência destaca destinos de “glamping” (acampamentos luxuosos, como o Parador Cambará, em Cambará do Sul) e hotéis de bem-estar, a exemplo do Six Senses Botanique, em Campos do Jordão.

Divulgação
Divulgação

Anavilhanas Lodge, na Amazônia

Já a Primetour cita os resorts de luxo de praia, como o Txai, na Bahia; Kenoa, em Alagoas; e Ponta dos Ganchos, em Santa Catarina. 

Outra opção que se popularizou depois da pandemia é o “staycation”: o turismo e a hospedagem por uns dias na própria cidade. No caso dos recém-casados, a dica é escolher hotéis de alto padrão para curtir o momento a dois e desfrutar dos serviços do local. Na capital paulista, por exemplo, uma das recomendações de Pigoretti é o recém-inaugurado Rosewood São Paulo. 

VEJA TAMBÉM: 40 novos hotéis luxuosos pelo mundo para conhecer em 2022

2) Conexão com a natureza

Desde o começo da pandemia, muitos viajantes têm evitado grandes centros urbanos e preferido destinos de natureza – seja ela campo, praia, montanha ou neve. Optando por lugares mais isolados e por menos passeios turísticos, consequentemente um foco maior recaiu na escolha da hospedagem. 

É o que notaram as agências de turismo: a preferência por hotéis com muito conforto, estrutura e opções de experiências e lazer. “Os clientes que atendemos não querem mais ficar no quarto de entrada, eles querem mais. Houve uma valorização e maior investimento na hospedagem, eles analisam todos os detalhes do hotel antes de escolher”, explica Pigoretti.

Divulgação
Divulgação

Clayoquot Wilderness Retreat, no Canadá

Entre as opções de hospedagem, uma nova modalidade que já estava em alta antes, mas ganhou ainda mais força no último ano, foi o “glamping”. No exterior, a agência recomenda o Capella Ubud, em Bali; o Clayoquot Wilderness Retreat, no Canadá; e o Al Maha, a Luxury Collection Resort, em Dubai. 

Os lodges, alojamentos em áreas remotas e cercados por natureza, também se encaixam nessa categoria. Algumas das mais remotas e diferentes hospedagens estão no Tutka Bay Lodge, no Alasca, e no Pacuare Lodge, na Costa Rica. 

3) Clássicos de praia

Clássico dos casais recém-casados, existe uma infinidade de opções mundo afora de praias para curtir a dois. Uma das mais procuradas e já sinônimo de lua de mel, Maldivas segue em alta nas tendências para 2022 e 2023, especialmente pelas regras mais flexíveis de entrada no arquipélago. Conhecida pelos bangâlos em cima d’água azul-turquesa, as hospedagens recomendadas pelas agências de turismo por lá são o The Nautilus, Four Seasons Landaa Giraavaru e os novos Hotel Joali e Ritz-Carlton Fari Islands. De experiência: “Para os românticos, um jantar em um banco de areia. Para os aventureiros, as inúmeras opções de mergulho com a incrível fauna marinha da região”, indica a Primetour.

Ritz-Carlton Fari Islands, nas Maldivas

Outros destinos praianos sempre procurados e que continuam no radar incluem Polinésia Francesa, Grécia, Tailândia, República Dominicana, Anguilla, Turks & Caicos, México (especialmente Riviera Maia, Los Cabos e Punta Mita) e St. Barths

4) Clássicos da Europa

Pigoretti conta que, por mais que muitos casais procurem lugares exóticos e diferentes para a lua de mel, a incerteza da Covid-19 resgatou outros destinos clássicos e bem conhecidos (tidos como “seguros”), especialmente do continente europeu. “A Europa voltou a ser um objeto de desejo, percebemos uma volta de clientes querendo ir para lá. Antes ela era considerada um destino ‘normal’, mas após ficar fechada durante a pandemia, não é mais tão comum assim”, explica o profissional. 

Entre as apostas da Teresa Perez para as próximas viagens de recém-casados, estão a região do Douro, em Portugal, com a dica de hospedagem no Six Senses Douro Valle; e a clássica francesa Paris, especialmente no Cheval Blanc Paris Hotel. Pigoretti recomenda viagens que envolvam menos países possível, já que cada um deles tem suas restrições específicas para cruzar as fronteiras.

Divulgação
Divulgação

Six Senses Douro Valle, em Portugal

VEJA TAMBÉM: 4 hotéis incríveis que parecem cenários de filme

Já a Primetour destaca dois roteiros na Itália. O primeiro combina a Costa Amalfitana com a ilha de Capri, onde é possível fazer um passeio privativo de barco pela região e explorar a gastronomia local. De hospedagem, o Le Sirenuse (na costa Amalfitana) e o novíssimo La Palma Capri, da rede Oetker Collection, são as recomendações. 

A segunda dica é incluir Veneza e o Lago de Como em uma só viagem. “Como experiência, indicamos uma charmosa lancha veneziana para explorar a região, incluindo Murano, Burano e Torcello, com paradas em vinícolas e ateliês de arte local e finalizando com almoço (ou jantar) na Locanda Cipriani”. Entre os hotéis, a agência cita o Belmond Cipriani, St. Regis ou Aman em Veneza; e o Le Sereno, Mandarin Oriental ou Grand Hotel Tremezzo no Lago de Como.

5) Paraísos tropicais isolados e fora do óbvio

Para quem quer sair do óbvio e conhecer destinos de praia fora do eixo, há uma série de paraísos tropicais (e remotos) ainda pouco explorados pelos brasileiros. Entre as indicações da Teresa Perez Tours, está a Bawah Reserve, no arquipélago indonésio de Anambas. Cercado por águas turquesas e vegetação, o local reúne bangalôs sobre a água, suítes e lodges.

Divulgação
Divulgação

Bawah Reserve, na Indonésia

Outra opção destacada pela agência é Moçambique, com o novíssimo Banyan Tree Ilha Caldeira, hotel cinco estrelas de luxo superprivativo que abrirá em dezembro deste ano, a 11 km da costa do país e com 40 villas com piscina privativa com vista para o Oceano Índico. 

Já as Ilhas Seychelles foram indicadas pelas três agências, com destaque para os hotéis Mago House Seychelles e Six Senses Zil Pasyon (no qual é possível fazer o programa “cinema under the stars” – ou cinema sob as estrelas – com o filme favorito do casal). Para ir além da praia, a Primetour sugere combinar o roteiro com safáris e passeio de balão na Tanzânia – onde as recomendações de hospedagem são o Singita Sasakwa Lodge, no Serengeti National Park, e o andBeyond Grumeti Serengeti River Lodge. 

Outras sugestões de lugares diferente para a lua de mel são as Ilhas Maurício e Zanzibar, ambas no continente africano.

VEJA TAMBÉM: Conheça o espetacular hotel de cúpula geodésica no Vale Sagrado do Peru

6) Novos destinos exóticos

Para além da praia, outros lugares alternativos e “exóticos” para lua de mel também estão entre as apostas das agências de turismo. O destaque da Primetour vai para os países nórdicos, com viagens para ver a Aurora Boreal. A dica é escolher hotéis singulares, como o Kakslauttanen Arctic Resort, na Finlândia, com iglus de vidro como quartos, ou o Tree Hotel, na Suécia, onde as acomodações são casas nas árvores. Por lá, também é possível ter experiências de inverno, como andar de snowmobile, safári com huskies ou renas e snowshoe walk.

Divulgação
Divulgação

Kakslauttanen Arctic Resort, na Finlândia

Já a Teresa Perez Tours cita Montenegro (especialmente o hotel One & Only Portonovi, à beira-mar do Mar Adriático) e o Sri Lanka (com o hotel Ceylon Tea Trails, onde ficam bangâlos a 1.250 metros de altitude na região de cultivo de chá do país) como opções de destinos fora do comum para a lua de mel.

Compartilhe esta publicação: