Frota de eletrificados cresce 57% no acumulado do ano

Emplacamentos de elétricos e híbridos somaram 16.393 unidades entre janeiro e maio, segundo dados da Fenabrave

Rodrigo Mora
Compartilhe esta publicação:
(Divulgação)
(Divulgação)

Frota de elétricos e híbridos salta 57% no acumulado do ano e chega a 16.393 unidades

Acessibilidade


Cena rara há tempos atrás, mas comum em 2022: vaga reservada a veículos eletrificados em shoppings ou supermercados ocupada por algum SUV de luxo durante a recarga da bateria.

A maior utilização dessas vagas é um reflexo do crescimento da frota de modelos elétricos e híbridos, que segundo dados da Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores) somaram nos cinco primeiros meses do ano 16.393 emplacamentos, ante 10.393 em igual período de 2021 – o que representa alta de 57,7%.

Leia mais: XC90 ganha mais autonomia para não depender de gasolina na cidade

Participação de mercado ainda é pequena, contudo: 2,4% do total comercializado no segmento, que em maio registrou 174.814 vendas e, no acumulado do ano, 685.663 emplacamentos; em 2021, a soma entre janeiro e maio foi de 837.053 carros e comerciais leves.

“O resultado, até agora, é positivo e foi impulsionado não só pelo maior número de dias úteis em maio, como pela disponibilização de veículos que estavam à espera de peças, nos pátios das Montadoras. Entendemos que, em maio, oferta e demanda começaram a se estabilizar. Não há um movimento forte de retomada, nem de oferta e nem de demanda, mas acredito que estamos chegando à certa estabilidade, o que já é desejável, considerando um ano bastante incerto como o que estamos vivendo”, analisa Andreta Jr, presidente da Fenabrave.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.
Compartilhe esta publicação: