Jamie Oliver é salvo da recuperação judicial

Chris J. Ratcliffe/GettyImages
Restaurantes de Oliver no aeroporto de Gatwick, no sul de Londres, foram transferidos para o grupo SSP

As unidades da rede de restaurantes do chef Jamie Oliver no aeroporto de Gatwick, em Londres, foi salva de recuperação judicial hoje (14) pelo grupo SSP em um acordo que mantém todos os 250 funcionários.

VEJA TAMBÉM: Restaurante de Jamie Oliver entra em recuperação judicial

Em maio, o restante dos restaurantes de Oliver no Reino Unido fechou as portas, deixando cerca de 1 mil pessoas desempregadas, uma vez que as unidades pararam de operar imediatamente.

Os restaurantes de Oliver no aeroporto de Gatwick, no sul de Londres, foram transferidos para o grupo SSP, que já opera 12 franquias de Oliver em destinos turísticos fora do Reino Unido, que não estão envolvidos no processo de recuperação judicial.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).