3 dicas para construir um bom relacionamento

Pense sempre em como pode adicionar valor à vida da outra pessoa, sem esperar nada em troca

Muitas pessoas se sentem desconfortáveis com a obrigatoriedade dos dias de hoje de se criar uma rede, mas o que elas não percebem é que essa é uma ação muito parecida com fazer amizades. Os esforços para iniciar uma conversa, trocar informações de contato e manutenção se aplicam também à construção de networking.

LEIA MAIS: Como descobrir se a relação com o chefe está ruim

Veja, na galeria de fotos abaixo, 3 dicas para construir relacionamentos bons e significativos com qualquer pessoa:

  • 1. Seja curioso

    As pessoas tendem, frequentemente, a focar no que querem daqueles a quem desejam se conectar, em vez de prestar atenção no que eles gostam. Deixe de falar apenas sobre si, escute o outro. Faça perguntas genuínas e abertas. Comente sobre a história deles e coisas em comum. Ao longo da interação, você quer que eles sintam que o que falam é importante, que estão sendo ouvidos e que não servem apenas para ajudá-lo com algo.

    Por isso, não force a conversa ou a relação. Se não há conexão, aceite o fato. As pessoas conseguem sentir quando você não está sendo você mesmo ou fingindo interesse. Tenha curiosidade verdadeira no que elas têm a dizer.

  • 2. Seja solidário

    Ao escutar seu amigo em potencial ou conhecido, encontre maneiras de ajudá-lo, se ele disser que precisa. Ele está procurando estagiários e você conhece alguém para indicar? Está promovendo um evento para muitas pessoas e você tem uma plataforma para divulgar? Precisa de voluntários e você tem algumas horas naquele dia? Seja um solucionador de problemas e ele nunca se esquecerá disso. Pense sempre em como pode adicionar valor à vida dele, sem esperar nada em troca. Mais cedo ou mais tarde, isso acontecerá.

  • 3. Seja vulnerável

    Ser você mesmo e dividir sua verdade, não importa quão vulnerável se sinta, dá a chance de as pessoas o conhecerem e se conectarem de fato. Dentro daquilo que você se sente confortável em compartilhar, provavelmente haverá alguns interesses em comum. Ser autêntico e honesto também ajuda o outro a fazer o mesmo. É menos provável que ele se sinta envergonhado ou que você o julgue se ele também compartilhar algo. Histórias de desafios profissionais ou pessoais e vitórias na carreira podem ser bons assuntos para começar. Essas conversas sinceras permitirão que ambos se abram em sua jornada, o que criará uma conexão emocional mais forte.

1. Seja curioso

As pessoas tendem, frequentemente, a focar no que querem daqueles a quem desejam se conectar, em vez de prestar atenção no que eles gostam. Deixe de falar apenas sobre si, escute o outro. Faça perguntas genuínas e abertas. Comente sobre a história deles e coisas em comum. Ao longo da interação, você quer que eles sintam que o que falam é importante, que estão sendo ouvidos e que não servem apenas para ajudá-lo com algo.

Por isso, não force a conversa ou a relação. Se não há conexão, aceite o fato. As pessoas conseguem sentir quando você não está sendo você mesmo ou fingindo interesse. Tenha curiosidade verdadeira no que elas têm a dizer.

 

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).