Veja como a realidade virtual e aumentada estão promovendo uma incrível transformação na indústria de viagens

Reprodução/Forbes
Reprodução/Forbes

As incríveis maneiras como a Realidade Virtual e a Realidade Aumentada estão transformando a indústria de viagens

Muitas pessoas estão desesperadas para viajar livremente novamente – mas com a ajuda das tecnologias RA (Realidade Aumentada) e RV (Realidade Virtual), podemos explorar o mundo no conforto de nossos sofás enquanto estamos isolados em casa.

As empresas estão trabalhando muito para transformar as experiências de viagem, então podemos esperar que as coisas pareçam bem diferentes quando pudermos voltar à estrada.

LEIA TAMBÉM: Cielo faz parceria com Google em ferramenta para pequenos negócios

Passeios autoguiados e mais com RA

As possibilidades de realidade aumentada na indústria de viagens são vastas. A RA altera as percepções dos viajantes sobre seu ambiente físico e oferece experiências turísticas complementares e oportunidades de interação.

Por exemplo, aplicativos móveis de realidade aumentada como o “City Guide Tour”, usam o reconhecimento de objetos para oferecer informações na tela sobre locais de interesse, museus, galerias, pontos de referência, parques e outros pontos turísticos enquanto um turista passa por uma cidade ou vila. O aplicativo móvel “Street Life” oferece uma biblioteca de tours guiados colaborativos que você pode assistir de casa ou usar para navegar por suas aventuras de viagem enquanto envia suas próprias fotos.

Os óculos com tecnologia de RA proporcionam uma experiência mais envolvente que adiciona um elemento de diversão e elimina a necessidade de um guia turístico. Os smartphones velozes e potentes com recursos de RA abrem todo um mundo de possibilidades interessantes.

Há uma grande variedade de casos de uso em potencial para RA na indústria de viagens, incluindo melhoria do trânsito local, gamificação de realidade aumentada e uso dessa tecnologia para museus.

VEJA MAIS: Rapper Will.i.am investe em máscara inteligente contra a Covid-19

 

Explore de seu sofá com realidade virtual

No momento, viajar para lugares distantes para experimentar a funcionalidade completa desses tipos de aplicativos de realidade aumentada provavelmente não é possível para a maioria de nós – mas, enquanto isso, ainda podemos alimentar nosso desejo de viajar com experiências de viagem de realidade virtual.

Empresas como a First Airlines estão oferecendo viagens imersivas em realidade virtual para lugares como Havaí, Roma e Paris. Suas experiências de RV incluem passagens aéreas de primeira classe com refeições de quatro pratos, seguidas por passeios de realidade virtual dos principais pontos turísticos do destino. Você também pode explorar experiências de viagem virtuais por meio do Google Earth VR, Oculus e Immerse from The Hydrous.

Outros usos potenciais para RV na indústria de viagens incluem:

Experiências de atrações, hotéis e locais de interesse. Os viajantes podem verificar as acomodações e os locais antes de reservar suas viagens, para ver se os destinos valem o investimento.

Entretenimento em voo. Experiências imersivas de RV de 360º graus em voos de longa distância podem estar no horizonte, expandindo as opções de entretenimento dos viajantes, além de assistir a filmes ou navegar na web com o Wi-Fi do avião. A realidade virtual pode até ajudar alguns passageiros a aliviar o medo de voar.

Agentes de viagens e serviços de reservas. A Travel World VR usa a tecnologia para ajudar os agentes de viagens a promover destinos usando vídeos em 360º graus dos principais destinos, cruzeiros, resorts e passeios.

LEIA TAMBÉM: Facebook não vai notificar usuários por vazamento de dados de mais de 500 milhões

A National Geographic aponta as limitações das viagens virtuais envolventes, dizendo:

“Os fones de ouvido são caros, pesados, podem causar náuseas e não são confortáveis de usar por mais de 30 minutos… Sensações limitadas são outro obstáculo. Os vídeos se concentram em sons e imagens, mas não podem fazer muito com o cheiro, o toque ou o paladar, e as experiências de RV tendem a durar apenas alguns minutos – dificilmente o equivalente a duas semanas de férias na Espanha.”

Poucas pessoas acreditam que a realidade virtual substitui totalmente as viagens, mas é provável que a tecnologia contribua para a recuperação da indústria de viagens no pós-pandemia.

 

Tornando a viagem uma realidade novamente

Nestes tempos estranhos, a viagem virtual envolvente oferece uma fuga bem-vinda da solidão e do tédio da pandemia – então, coloque um fone de ouvido e prepare-se para “viajar” para qualquer lugar do mundo, direto da sua sala de estar.

Depois que as restrições forem suspensas, os amantes de viagens que ficaram presos em casa também poderão experimentar as maravilhas das ferramentas de realidade aumentada, para que possam obter informações no local durante as próximas aventuras.

VEJA MAIS: Domino’s vai usar robôs para entregar pizzas no Texas

As tecnologias de RV e RA também ajudarão a indústria de viagens e turismo a se recuperar, estimulando o apetite dos turistas por novos locais, ajudando os agentes de viagens a reservar voos e hotéis e tornando a viagem mais agradável.

Se você deseja aventura, prepare-se para explorar o mundo com um impulso da tecnologia de realidade virtual e aumentada.

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).