Conheça as melhores maneiras de aplicar o blockchain nos negócios

Getty Images
Os usos do blockchain vão de transações internacionais ao armazenamento de informações

Resumo:

  • O blockchain tem se tornado uma tecnologia cada vez mais presente em empresas de diferentes indústrias;
  • Usado para diversos tipos de transações, a solução pode auxiliar na otimização de diversos problemas de eficiência;
  • Entenda como aplicar a tecnologia no mundo dos negócios, indo além das criptomoedas.

Os principais investidores do mundo dos negócios estão cada vez mais interessados na tecnologia do blockchain. Mas, sempre que uma novidade como essa é introduzida, são levantadas mais perguntas do que respostas. Para muitos, entender as reais soluções que o blockchain pode trazer é desafiador. Além de ser a base do bitcoin e de outras criptomoedas, para que mais ele pode ser usado? Ele pode ajudar seus negócios? Resolver problemas do mundo real? Como CEO de uma empresa que foca em criar soluções para negócios usando o blockchain, e como líder na indústria do bitcoin, eu lido com essas questões frequentemente.

LEIA MAIS: Os 20 melhores sites de empregos na indústria do blockchain

Abaixo estão alguns usos do blockchain, e algumas perguntas úteis para alguém que está considerando utilizá-los em seus negócios.

Pagamentos e transações internacionais

Essa é provavelmente a aplicação mais simples do blockchain e pode ser também a mais relevante. Pagamentos tradicionais têm taxas de transação e podem demorar dias para serem realizados, especialmente os internacionais. Com as redes do blockchain, as operações são feitas quase que instantaneamente. Fazer pagamentos ou receber em bitcoin* ou em criptomoedas baseadas em moeda fiduciária, como o DAI*, é mais barato e mais rápido porque não existe um mediador (bancos) para processar a transação e tomar uma parte para si.*

*O autor investe em bitcoin e DAI.

Contratos simples

A tecnologia do blockchain permite o uso de “smart contracts” para a realização de transações, algo que potencialmente poderia tornar os negócios muito mais fáceis.

É sempre importante saber com quem se está fazendo negócios. Ninguém quer pagar algo a alguém e ter seu contrato cancelado logo depois. Um “smart contract” é um documento automático entre duas partes. O pagamento não é realizado até que ambas tenham cumprido seus termos. Quando todos forem satisfeitos, o pagamento é realizado automaticamente.

Uma boa analogia é uma máquina de vendas. Você coloca o dinheiro e escolhe qual refrigerante quer, e não precisa se preocupar com a integridade ou honra da máquina. Ela simplesmente te dá seu refrigerante automaticamente.

Esses contratos funcionam entre dois negócios (o chamado “business to business” ou B2B) e entre consumidores e negócios (“business to consumer” ou B2C). Eles também são úteis para projetos de curto prazo e podem eliminar a necessidade de uma terceira entidade, permitindo mais transparência entre companhias e indivíduos nos negócios.

VEJA TAMBÉM: Conheça a Kahawa 1893, empresa de blockchain que merece atenção

Gerenciamento da cadeia de produção

Todos sabem que cadeias de produção podem ser uma bagunça. Quando cada parte fica em um país diferente, com softwares, sistemas legais e regulamentos internos diferentes, ineficiência e falta de transparência são quase uma garantia.

É aí que entra o blockchain. Com ele, históricos permanentes e imutáveis são uma característica integral. Por isso, funciona para resolver problemas de fraude e logística. As soluções oferecidas são tão promissoras que as empresas de tecnologia IBM e A.P. Moller-Maersk se juntaram para criar redes de blockchain para a indústria de exportação.

Troca de energia e rastreamento de recursos
O setor de energia pode se beneficiar muito do blockchain. As redes descentralizadas e distribuídas são perfeitas para rastrear e negociar eletricidade. Elas permitem que companhias e indivíduos comprem e vendam energia de pessoa para pessoa em um mercado descentralizado.

Empresas no setor de energia também conseguem usar sistemas baseados no blockchain para rastrear quando energia é gerada ou quantas commodities são produzidas, eliminando a necessidade de planilhas e de empregados realizando tarefas administrativas. Esses sistemas diminuiríam os custos já que as informações seriam mais transparentes e acessíveis.

Armazenamento e compartilhamento de informações

O negócio de armazenamento na nuvem está em alta, mas por que se restringir somente às grandes companhias? Armazenamento de informações descentralizado é mais seguro, graças à criptografia das redes de blockchain, e mais barato do que alugar espaço na nuvem de grandes centros de armazenamento.

Projetos de blockchain como o FileCoin* permitem que companhias ou até mesmo indivíduos aluguem espaço sobrando em seus drives ou outros aparelhos em troca de uma compensação. Outros, como o Golem, também permitem que seus usuários paguem para alugar poder computacional de outros usuários. Isso poderia ajudar negócios a economizarem, não tendo que comprar novas máquinas mais tecnológicas com tanta frequência.

*O autor investe no FileCoin.

O que saber antes usar blockchain nos seus negócios

Algumas perguntas são necessárias antes da adoção do blockchain como a solução para todos os problemas tecnológicos de uma empresa.

Quais são suas exigências de performance e dimensionalidade? Quão importantes são os dados que serão usadas no blockchain? Se são informações privadas e que não podem ser públicas, usar um blockchain que exige permissão para acesso é essencial.

Quanto armazenamento é necessário? Quão acessível a informação têm de ser? Para muitas organizações, uma combinação de blockchain e armazenamento na nuvem seria a melhor opção. Para alguns casos específicos, somente a nuvem já é suficiente.

É necessário entender as necessidades de uma empresa para que o blockchain seja uma solução eficiente.

Preparação para o futuro

Em 1994, alguns indivíduos que pensavam à frente conseguiram identificar como a internet poderia ajudar nos negócios, mas muitos não conseguiam entender. Poucas décadas depois, a internet é tão crucial aos negócios modernos que a economia moderna não existiria sem ela.

É provável que o blockchain tenha o mesmo resultado. Enquanto as soluções do blockchain ainda não são para todos, todas as empresas que querem se manter no mercado nos próximos anos precisarão se familiarizar com a tecnologia. Muito provavelmente, na próxima década, o blockchain será útil de maneiras que nem conseguimos imaginar agora.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).