Transformação digital: como adquirir as habilidades certas para esse movimento

PMI oferece abordagens e metodologias para otimização de processos e, consequentemente, melhora de desempenho.

Infomercial PMI
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

Gerenciamento de projetos é essencial para implementar a transformação digital

Acessibilidade


A pandemia acelerou a transformação digital no Brasil em 2021. Nesse período, várias empresas e organizações iniciaram processos de transformação digital para implementar um uso mais profundo de tecnologias e digitalizar informações e processos. Mas para que serve a transformação digital? Ela otimiza processos e, consequentemente, melhora o desempenho e os resultados de empresas de todos os setores e portes.

Para viabilizar essa mudança, é importante certificar, treinar e dar às pessoas as habilidades necessárias. Isso porque os changemakers (agentes de mudança, em português) precisam dominar não apenas o gerenciamento de projetos, mas muitas outras habilidades, como as metodologias ágeis e o design thinking. “Quando você fala de transformação, isso é um projeto. Independentemente do seu papel na organização, você vai estar participando de projetos e devemos estar cientes de que precisamos de todos”, diz Ricardo Triana, diretor-geral do PMI para América Latina, em entrevista ao ForbesCast, podcast da Forbes Brasil.

O estudo Talent Gap, desenvolvido pelo PMI, apontou que, até 2030, as vagas de gerentes de projetos no Brasil devem crescer 5,7%, de 1.903.790 em 2019 para 2.013.174 em 2030. De acordo com o relatório, a economia global precisará de um total de 25 milhões de novos profissionais de projetos até 2030. Para fechar essa lacuna, 2,3 milhões de pessoas precisarão ingressar em empregos voltados para gerenciamento de projetos todos os anos.

O gerente de projetos é a pessoa ideal para orientar as empresas e colocar a transformação digital em prática como forma de alcançar resultados positivos – pois é a figura central nas práticas de gestão de uma empresa, desempenhando um papel fundamental na disseminação da Cultura de Inovação.

Ouça o episódio do ForbesCast com Ricardo Triana, diretor-geral do PMI (Project Management Institute) para América Latina:

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Desenvolver competências de gestão de projetos em toda a empresa, promovendo uma cultura de trabalho ágil e treinamento para todos os níveis é essencial nos dias de hoje. O novo ambiente de trabalho exige que as empresas priorizem cada vez mais uma cultura que agregue valor não apenas aos clientes, mas também aos colaboradores – quem deseja manter uma força de trabalho motivada deve garantir que o trabalho seja significativo. Isso criou um ecossistema com diferentes visões de estratégia de negócios e eficiência operacional, além de uma ampla variedade de soluções tecnológicas para gerenciamento de projetos – da nuvem à robótica avançada.

Todos os esforços de mudança são desafiadores, mas os líderes de projetos e programas devem tornar-se proficientes em lidar com três componentes críticos para impulsionar a transformação digital bem-sucedida:

1) Re-Imaginação

Uma nova forma de pensar os negócios. A verdadeira transformação digital não é simplesmente uma questão de digitalizar produtos existentes, ela requer um novo modelo de negócios, um novo foco no produto e novas formas de trabalhar.

2) Transformação cultural

A parte mais desafiadora da mudança organizacional raramente é acertar a estratégia ou a tecnologia, mas sim construir o apoio e ganhar a adesão das pessoas. Líderes de transformação eficazes dominam a arte de lidar com a resistência à mudança de rotinas, de mentalidades e de formas de trabalho estabelecidas e até mesmo queridas.

3) Funcionalidade cruzada

A transformação digital não pode ser alcançada em silos, ela requer uma abordagem multifuncional que corte horizontalmente vários departamentos e funções. Processos de negócios inteiros podem precisar ser redesenhados horizontalmente para catalisar a colaboração entre equipes que podem nunca chegar perto umas das outras no organograma.

Como aprender?

A Série Transformação Organizacional do PMI ajuda nesse processo de transformação digital, pois ensina aos líderes de projeto e suas equipes o que é preciso para cultivar mudanças significativas e gerenciar a estratégia envolvida em uma transformação em toda a empresa. Profissionais de projeto e líderes de negócios podem aprender rapidamente o que é necessário para viabilizar e implementar mudanças operacionais e culturais significativas dentro de uma organização, permitindo-lhes apoiar uma transformação em toda a empresa em qualquer setor, em qualquer nível.

Sobre o PMI

O PMI é uma organização com propósito, sem fins lucrativos, presente em quase todos os países do mundo para capacitar pessoas a transformar ideias em realidade. Por meio de advocacia global, networking, colaboração, pesquisa e educação, prepara organizações e indivíduos para trabalhar de forma mais inteligente, para que possam ter sucesso em um mundo em mudança.

O mundo está evoluindo em uma velocidade cada vez maior. Manter-se atualizado exige que inovemos e mudemos mais rapidamente para encontrar novas soluções para problemas urgentes, incluindo estratégias para capacitar a próxima geração de jovens que irão liderar e vencer os desafios de hoje por meio da transformação digital. Nesse
cenário, os líderes em ascensão precisam de oportunidades, ferramentas e uma comunidade que os prepare para transformar ambição em impacto de forma confiante.

Uma nova geração de líderes em todo o mundo está criando, transformando e moldando o futuro da força de trabalho, acelerando a inovação. E o PMI sempre esteve comprometido em viabilizar que os jovens sejam agentes de mudança. A PMI Educational Foundation (PMIEF) tem apoiado jovens agentes de mudança como entidade filantrópica do PMI por mais de 30 anos, e a Equipe Acadêmica do PMI tem apoiado o aprendizado de gerenciamento de projetos em ambientes acadêmicos por um tempo ainda maior.

Em 2017, o Conselho do PMI definiu nossa aspiração como “capacitar as pessoas para tornar as ideias realidade”. Eles queriam ser maiores e mais ousados, ser a organização principal a impulsionar a mudança. O PMI e os jovens agentes de mudança compartilham a aspiração de impactar positivamente o mundo. O PMI está posicionado de forma única para ajudar jovens agentes de mudança a gerar impacto positivo – fornecemos as ferramentas, habilidades e a comunidade de que todos os agentes de mudança precisam. O PMI oferece padrões reconhecidos globalmente, certificações, cursos online, liderança de pensamento, ferramentas, publicações digitais e comunidades.

Noções básicas de Disciplined Agile

Disponível gratuitamente e online em português, esse curso é voltado para quem busca essa especialização e destaque no mercado de trabalho. Nesse curso, o aluno poderá entender como equipes de diferentes setores utilizam o kit de ferramentas Disciplined Agile para tomar melhores decisões e alcançar melhores resultados. O curso também inclui recursos valiosos, ferramentas e definições para que o praticante comece a usar o Disciplined Agile.

O DA (Disciplined Agile) oferece aos profissionais vários caminhos para agilidade e melhor desempenho dos negócios. Do treinamento de habilidades ágeis ao coaching e otimização do fluxo de valor, à orientação para a verdadeira agilidade dos negócios que se estende além da TI para toda a organização. Gostamos de pensar nele como
uma biblioteca abrangente de práticas, ciclos de vida e estratégias ágeis/lean, combinadas com conselhos adequados ao contexto para diferentes situações.

A abordagem DA é um kit de ferramentas de adaptação de processos ágeis abrangente, que orienta indivíduos, equipes e organizações para que definam suas “formas de trabalho” ideais. O DA tem a melhoria do processo integrada. Ensinamos a ideia de falhar rapidamente para ajudar as equipes a entender quais outras soluções
estão disponíveis quando elas precisam se adaptar, e o kit de ferramentas DA fornece maneiras de melhoria contínua. Os kits de ferramentas DA ajuda organizações a encontrar uma maneira de trabalhar que funcione para elas.

No PMI, embarcamos em uma jornada para ter uma visão mais equilibrada de gerenciamento e liderança de projetos – uma em que ajudamos profissionais e organizações a identificar e aplicar as estratégias certas para a situação certa no momento certo. KICKOFF é um programa gratuito destinado a isso. Por meio do download de tutoriais e templates em português, em apenas 45 minutos ele ajuda a efetivamente lançar um projeto do início ao fim. Após a conclusão, os participantes recebem um crachá digital como certificado, que pode ser compartilhado em seus perfis nas redes sociais.

Certificações

O PMI também possui certificações que atestam que o profissional possui habilidades específicas exigidas para a gestão de projetos:

CAPM (Certified Associate in Project Management): Esta certificação diferenciará o profissional no mercado de trabalho e aumentará sua credibilidade e eficácia trabalhando em — ou com — uma equipe de projeto. É a opção certa para quem deseja gerenciar projetos maiores e ganhar mais responsabilidade ou adicionar habilidades de gerenciamento de projetos em sua função atual.

PMP (Project Management Professional): Esta certificação foi desenvolvida por profissionais de projeto para profissionais de projeto e valida que você está entre os melhores – altamente qualificados. A certificação PMP valida que você possui as habilidades de liderança de projeto que os empregadores procuram.

* Infomercial é de responsabilidade exclusiva dos autores e não reflete, necessariamente, a opinião da FORBES Brasil e de seus editores.

Compartilhe esta publicação: