Dólar encerra em queda ante real de olho em Trump

iStock
O dólar à vista teve queda de 0,35%, a R$ 4,1548 na venda

O dólar encerrou em queda contra o real hoje (25), depois de ter passado boa parte do dia em alta, com agentes do mercado monitorando os desenvolvimentos do processo de impeachment contra o presidente norte-americano, Donald Trump, em meio a otimismo quanto as negociações comerciais EUA-China.

LEIA MAIS: Dólar vai a máximas em um mês ante o real

O dólar à vista teve queda de 0,35%, a R$ 4,1548 na venda. Na B3, o dólar futuro tinha desvalorização de 0,25%, a R$ 4,1535. Na máxima intradia, a cotação foi a R$ 4,1955 na venda, maior patamar intradia desde 27 de agosto, enquanto na mínima tocou R$ 4,1509.

“É o fenômeno Trump. As atenções hoje se voltaram totalmente ao cenário externo, com o impeachment do Trump e as afirmações dele sobre a China”, afirmou Jefferson Laatus, sócio fundador do Grupo Laatus

No dia anterior, a Câmara dos Deputados do país afirmou que iniciará um inquérito formal de impeachment contra o presidente Donald Trump, devido ao fato de ele ter pedido ao presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelenskiy, em uma conversa telefônica ocorrida em julho, para investigar o ex-vice-presidente norte-americano Joe Biden.

Democratas acusam Trump, que buscará a reeleição no ano que vem, de solicitar ajuda da Ucrânia para difamar Biden, o pré-candidato presidencial democrata favorito, antes da eleição do ano que vem.

Em entrevista à “CNBC”, o presidente do Federal Reserve de St. Louis, James Bullard, disse que autoridades do Fed estão acostumados a lidar com incertezas políticas como pano de fundo de suas deliberações e que não espera que o inquérito de impeachment contra o presidente Donald Trump afete a condução da política monetária pelo Fed.

Ajudando a pressionar o dólar contra o real também estavam os desdobramentos positivos no conflito comercial entre EUA e China, com Trump afirmando que um acordo comercial com Pequim poderá acontecer mais cedo do que as pessoas pensam.

VEJA TAMBÉM: Dólar encerra perto de estabilidade ante o real

No exterior, as divisas pares do real, como rand sul-africano e peso mexicano, também se apreciavam contra o dólar, enquanto a moeda norte-americana avançava contra uma cesta de moedas, a 99,042.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).