Amazon supera estimativas de vendas no 2º tri

Vendas líquidas subiram para US$ 88,91 bilhões no período.

Redação
Compartilhe esta publicação:
ReproduçãoForbes
ReproduçãoForbes

As ações da empresa, que subiram cerca de 65% este ano, avançavam 4% no after-market.

Acessibilidade


A Amazon.com superou as estimativas de receita trimestral de Wall Street hoje (30) e prevê vendas no trimestre atual acima das projeções, com a crise desencadeada pelo coronavírus provocando um aumento nas compras em sua plataforma e elevando a demanda por seus serviços em nuvem.

As ações da empresa, que subiram cerca de 65% este ano, avançavam 4% no after-market.

VEJA MAIS: Forbes promove primeiro webinar sobre Saúde Mental nas empresas. Participe

Varejistas online têm registrado aumento na demanda, com as medidas de isolamento social por causa da pandemia do Covid-19 resultando em menos compras em lojas físicas.

A empresa estima vendas líquidas de US$ 87 bilhões a US$ 93 bilhões para o terceiro trimestre. Analistas esperavam, em média, receita de US$ 86,34 bilhões, segundo a Refinitiv.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Os serviços em nuvem da Amazon também tiveram forte demanda, pois as empresas mudaram para escritórios virtuais devido à disseminação da pandemia. A receita da Amazon Web Services (AWS), que vende armazenamento de dados e poder de computação na nuvem, subiu quase 29%, para US$ 10,81 bilhões.

As vendas líquidas subiram para US$ 88,91 bilhões no trimestre, ante US$ 63,4 bilhões, superando estimativas de US$ 81,56 bilhões, segundo dados IBES da Refinitiv. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Participe do canal Forbes Saúde Mental, no Telegram, e tire suas dúvidas.

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: