França diz que não apoiará Mercosul por comentários de Bolsonaro sobre o clima

Reuters
Segundo gabinete francês, presidente brasileiro mentiu na cúpula do G20, em junho

O presidente Jair Bolsonaro estava mentindo quando minimizou as preocupações com a mudança climática na cúpula do G20 no Japão em junho, disse o gabinete do presidente francês Emmanuel Macron hoje (23), enquanto o Brasil e a França continuam a discutir a questão.

LEIA MAIS: Bolsonaro diz que acordo UE-Mercosul entra em vigor em até 3 anos

O gabinete francês acrescentou que, tendo em vista esse contexto, a França vai se opor ao acordo agrícola entre União Europeia e Mercosul firmado entre a UE e Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai.

Ontem (22), Macron e o secretário-geral da ONU, António Guterres, expressaram preocupação com a os incêndios florestais que devastam a Amazônia, mas Bolsonaro respondeu irritado ao que ele considera ser uma intromissão em assuntos brasileiros.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).