Ação da Latam Airlines dispara 30% após acordo com Delta

Rodrigo Garrido/Reuters
Os papéis da Latam tinha elevação de 28,47%, a 8.415,10 pesos chilenos, na bolsa de Santiago

As ações do grupo Latam Airlines valorizavam-se cerca de 30% hoje (27), um dia depois que a Delta Air Lines anunciar que comprará uma participação de 20% na empresa por US$ 1,9 bilhão, criando uma nova e importante parceria aérea e encerrando os laços da empresa chilena com a American Airlines.

LEIA MAIS: Delta vai comprar 20% da Latam por US$ 1,9 bilhão

Por volta de 10:15, os papéis tinha elevação de 28,47%, a 8.415,10 pesos chilenos, na bolsa de Santiago. Na máxima até o momento, os papéis foram negociados a 9 mil pesos.

O acordo surpresa com a maior companhia aérea da América Latina dará à Delta uma presença muito maior na região, um mercado em crescimento no qual a Latam voa para dezenas de destinos, incluindo cidades da Argentina, Peru e Brasil.

O acordo com a Latam é o maior da Delta desde que se fundiu com a Northwest Airlines há uma década.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).