Seara fecha venda de miúdos suínos à China

Getty Images
Getty Images

A produção partirá, em breve, diretamente de Santa Catarina para exportação para a China

A Seara Alimentos, empresa do grupo JBS, concluiu a sua primeira negociação para a venda de miúdos suínos para a China depois de o país asiático ter habilitado unidades brasileiras para exportação na véspera.

LEIA MAIS: Seara investe R$ 180 mi na construção de fábrica de biodiesel

Segundo a JBS, a Seara fechou acordo para envio de 400 toneladas para à China.

“A produção partirá, em breve, diretamente de Santa Catarina, Estado de origem das duas unidades da companhia recém-habilitadas para exportação para o país asiático”, disse a JBS em nota à Reuters.

A China, que lida com uma redução da oferta de carne devido ao impacto da peste suína africana, habilitou sete unidades de Santa Catarina, segundo informou o Ministério da Agricultura na véspera.

As exportações brasileiras de carne suína têm recebido especial impulso dos embarques à China, que ampliou as importações de brasileiros em 76% em agosto.

As outras unidades autorizadas a exportar miúdos incluem uma planta da BRF, duas da Cooperativa Central Aurora Alimentos e outras duas da Pamplona Alimentos.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).