Aumenta número de fusões e aquisições no setor hospitalar, aponta KPMG

Lucy Nicholson / Reuters
Lucy Nicholson / Reuters

Das 31 operações fechadas este ano, a maioria delas (23) foi doméstica, sendo realizadas entre empresas brasileiras

O setor de hospitais e laboratórios de análises clínicas fechou o semestre deste ano com 31 operações de fusões e aquisições. Desse total, no primeiro trimestre, foram concluídas 11 transações e no segundo foram 20. Já nos primeiros seis meses do ano passado, foram finalizados 29 negócios. Os dados constam na pesquisa de fusões e aquisições realizadas pela KPMG trimestralmente.

Das 31 operações fechadas este ano, a maioria delas (23) foi doméstica, sendo realizadas entre empresas brasileiras. As outras oito transações foram do tipo CB1, ou seja, estrangeiros comprando empresa estabelecida no Brasil.

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

“Desde o marco regulatório em 2014 as movimentações nos setor aceleraram e o mercado vem se consolidando em diversas regiões do Brasil. A pandemia pode acelerar esse movimento na medida que os grandes grupos ou novos investidores podem se aproveitar de uma possível fragilidade dos ativos dado que o setor de saúde também foi impactado pela covid-19”, analisa o sócio da área de saúde da KPMG, Daniel Greca.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).