Encomendas da Huawei devem impulsionar resultados da Samsung no terceiro trimestre

REUTERS/Kim Hong Ji
REUTERS/Kim Hong Ji

Lucro operacional deve ser de US$ 10,6 bilhões, alta de 58% na comparação com o 3T19

A Samsung divulgou hoje (8) dados preliminares do seu balanço financeiro do terceiro trimestre deste ano, apontando um crescimento de 58% no lucro operacional em relação ao 3T19, o maior nível em dois anos. O desempenho é reflexo de sanções dos EUA à Huawei, que forçaram a companhia chinesa a ampliar a encomenda de chips da Samsung após uma restrição no acesso a alguns componentes.

De acordo com a Samsung, o lucro operacional deve ser de US$ 10,6 bilhões (12,3 trilhões de wons) no trimestre encerrado em setembro.

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

Os dados preliminares apontam ainda crescimento de 6% na receita do grupo na comparação com o terceiro trimestre do ano passado. O balanço completo da Samsung deve ser divulgado no final deste mês.

Além de forçarem uma ampliação nas encomendas de chips, as sanções do governo de Donald Trump derrubaram as vendas de celulares da Huawei fora da China, abrindo espaço para os produtos da companhia coreana, que é aliada de Washington. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).