Forbes Radar: Caixa, BR Distribuidora, Petrobras, Vale e outros destaques corporativos

Últimas notícias sobre: Lupo, BRF, BHP, JBS, Exxon, Apple, Azul, Shell e Chevron.

Artur Nicoceli
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


No Forbes Radar de hoje (19), a Caixa Econômica Federal foi a última empresa a divulgar os resultados financeiros do segundo trimestre. De acordo com a instituição financeira, seu lucro líquido foi de R$ 6,3 bilhões no período, alta de 144,7% se comparado com abril a junho de 2020.

No universo dos IPOs, a Lupo e a GlobalFoundries solicitaram à CVM (Comissão de Valores Mobiliários) um pedido de abertura de capital. Contudo, ao mesmo tempo, a Vittia Fertilizantes – que tinha definido o intervalo indicativo da operação entre R$ 8,60 a R$ 10,30 – optou por suspender a oferta devido à volatilidade do mercado.

Veja estes e outros destaques corporativos do dia:

BRF (BRFS3)

A companhia de alimentos BRF inaugurou ontem (18) uma nova fábrica de salsichas localizada em Seropédica (RJ), com investimento em torno de R$ 300 milhões, atenta a uma demanda excedente pelo produto que ganhou fôlego durante a pandemia da Covid-19.

O CEO global da empresa, Lorival Luz, acredita que mesmo que venha uma reação mais intensa na economia, que melhore o poder de compra da população, a expectativa é que a demanda por esta categoria de produto se mantenha elevada.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Segundo Luz, no ano passado, com a população permanecendo em casa, por medidas de isolamento social contra o coronavírus, o consumo de salsichas cresceu e as operações de produção da BRF estavam atuando no topo da capacidade.

Ainda de acordo com o executivo, a produção da nova planta será toda direcionada para o mercado interno.

O vice-presidente de Operações e Suprimentos da BRF, Vinícius Barbosa, disse que a produção atual da unidade comporta 140 toneladas por dia, “mas podemos facilmente dobrá-la, atingindo 280 toneladas/dia”.

Também presente na videoconferência, ele ressaltou que as matérias-primas para a produção –proteínas de frango e suíno– virão congeladas de unidades produtoras mais próximas ao Rio de Janeiro, localizadas na região Sul.

Vale (VALE3) e BHP (BHPG34)

O Ministério Público de Minas Gerais pediu à Justiça o arresto cautelar de bens das mineradoras Vale e BHP Group no valor dos créditos listados pela sua joint venture Samarco no pedido de recuperação judicial, de R$ 50,7 bilhões, segundo documento judicial visto pela Reuters.

A Samarco pediu recuperação judicial em abril, pois não conseguiu reestruturar sua dívida após o rompimento de uma barragem em Mariana (MG) em 2015, que deixou 19 pessoas mortas e liberou uma onda gigante de rejeitos.

Procuradas hoje (18), a BHP, Vale e Samarco não responderam imediatamente aos pedidos de comentários. As três empresas, porém, têm afirmado em diversos posicionamentos que a responsabilidade pelas reparações e indenizações devido ao desastre, assim como as dívidas adquiridas com esse fim, é da Samarco.

Ao mesmo tempo, a Vale assinou um memorando de entendimento com a siderúrgica Ternium para o desenvolvimento de soluções de siderurgia focadas na redução de emissões de gás carbônico, conforme comunicado divulgado ao mercado.

As companhias pretendem desenvolver estudos de viabilidade econômica de potenciais investimentos em uma planta de briquetes de minério de ferro localizada nas instalações da Ternium Brasil e em fábricas de metálicos com baixa emissão de carbono, utilizando tecnologias Tecnored, HYL e outras.

“Esta iniciativa contribui para alcançar o compromisso da Vale de reduzir 15% das emissões líquidas de Escopo 3 até 2035”, disse a mineradora brasileira.

Já o presidente-executivo da Ternium, Máximo Vedoya, afirmou que a medida é um passo importante para a estratégia de descarbonização da empresa, que visa reduzir sua emissão de CO2 em 20% até 2030.

JBS (JBSS3)

A agência Standard & Poor’s elevou de estável para positiva a escala global da JBS, com a classificação de crédito em BB+, informou a segunda maior companhia de alimentos do mundo ontem (18).

Segundo o comunicado, o próximo rating (BBB-) já caracteriza as empresas como investment grade (grau de investimento).

Dadas as melhorias de governança e indicadores financeiras, a JBS já está nessa classificação na Fitch (BBB-, com perspectiva estável), obtida em junho.

Na Moody’s, o rating da companhia é Ba1 (perspectiva estável), também a uma nota do investment grade (Baa3), conforme classificação realizada em abril.

Exxon (EXXO34)

A Exxon Mobil Corp vê seus investimentos no mar do Brasil ajudando a empresa a alcançar seu objetivo de diminuir as emissões de carbono na produção de petróleo e gás, disse o diretor do país, Juan Lessmann, ontem (19).

O conselho da Exxon está considerando um compromisso de cortar as emissões de carbono para zero até 2050, em meio à pressão de grandes investidores para tratar de preocupações com as mudanças climáticas.

Anteriormente, a empresa prometeu reduzir a intensidade das suas emissões na produção de petróleo e gás de 15% para 20%, até 2025.

“Esse é o foco agora: redução de emissões”, disse Lessmann em evento organizado pela Câmara de Comércio Brasil-Texas. “O Brasil traz uma grande oportunidade para isso”.

Nos últimos quatro anos, a Exxon emergiu como a segunda maior proprietária de áreas offshore no Brasil, depois da Petrobras.

A maior companhia de petróleo dos Estados Unidos adquiriu mais de 20 blocos e lista o país da América do Sul como uma de suas principais áreas de expansão.

Lessmann disse que o petróleo do pré-sal gera menos emissões por barril produzido devido à maior qualidade e a tecnologia de produção empregada.

BR Distribuidora (BRDT3)

A BR Distribuidora informou nesta quarta-feira que assinou contrato para a venda da totalidade de sua participação acionária de 49% na Brasil Carbonos para a Unimetal Indústria, Comércio e Empreendimentos.

Com o acordo, fechado por R$ 18,88 milhões, a Unimetal passa a deter a integralidade da participação acionária na sociedade, especializada em processos industriais que agregam valor ao chamado “coque verde de petróleo”.

O valor total da venda da participação da BR considera o caixa da empresa. Além disso, a BR e o Grupo Unimetal “terão como resolvidas suas relações envolvendo a empresa”.

Apple (AAPL34)

A Apple entrou com um recurso na terça-feira em um caso de direitos autorais que perdeu contra a startup de segurança Corellium, que ajuda pesquisadores a examinar programas como o planejado novo método da Apple para detectar imagens de abuso sexual infantil.

Um juiz federal rejeitou no ano passado reivindicações de direitos autorais da Apple contra a Corellium, que faz um iPhone simulado que os pesquisadores usam para examinar como funcionam os dispositivos rigidamente restritos.

Especialistas em segurança estão entre os principais clientes da Corellium, e as falhas que eles descobriram foram relatadas à Apple por recompensas em dinheiro e usadas em outros lugares, incluindo pelo FBI ao quebrar o telefone de um atirador que matou várias pessoas em San Bernardino, Califórnia.

A Apple torna seu software difícil de examinar, e os telefones de pesquisa especializados que oferece a especialistas pré-selecionados vêm com uma série de restrições. A empresa não quis comentar.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Azul (AZUL4)

A Azul e a Emirates, dos Emirados Árabes Unidos, anunciaram acordo de compartilhamento de voos, com as vendas do codeshare entre as empresas aéreas começando nesta quarta-feira para clientes que quiserem voar a partir do dia 25 de agosto.

Neste primeiro momento, de acordo com a Azul, oito rotas estarão disponíveis através do codeshare, conectando os clientes que chegam e decolam de Guarulhos (SP) com Cuiabá (MT), Santos Dumont (RJ), Belo Horizonte (MG), Curitiba (PR), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Juazeiro do Norte (CE) e Belém (PA).

Petrobras (PETR4), Shell (RDSA35) e Chevron (CHVX34)

A agência reguladora ANP aprovou inscrição de seis petroleiras para a 17ª Rodada de Licitações de blocos exploratórios de petróleo, marcada para 7 de outubro, incluindo Petrobras, Shell, Chevron, TotalEnergies, segundo comunicado no Diário Oficial da União ontem (18).

As outras petroleiras inscritas até o momento são Murphy e Ecopetrol, informou a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

As seis petroleiras tiveram suas inscrições aprovadas pela ANP em reunião da Comissão Especial de Licitação (CEL) na véspera. O julgamento das demais companhias que solicitaram inscrição será realizado nas próximas reuniões.

As petroleiras tinham até 11 de agosto para apresentar documentos e solicitar suas inscrições.

A rodada ofertará 92 blocos para exploração e produção de petróleo e gás natural, sob regime de concessão, nas bacias de Campos, Santos, Potiguar e Pelotas, por um bônus de assinatura mínimo somado de R$ 557,57 milhões.

Mercado Livre (MELI34)

O Mercado Livre anunciou nesta quarta-feira acordo para ser acionista do Aleph Group com a aquisição de participação de US$ 25 milhões na empresa de mídia digital, que opera na América Latina por meio da Internet Media Services (IMS).

Adicionalmente, o Mercado Livre vai colaborar com a IMS Internet Media Services na monetização do espaço publicitário, nos ativos digitais do Mercado Livre, em países onde não há operação local de vendas.

A empresa de tecnologia para e-commerce e serviços financeiros e a Aleph também vão se associar para explorar e colaborar em novas oportunidades de desenvolvimento de negócios em publicidade digital.

Recentemente, a CVC Capital Partners Fund VIII adquiriu uma participação minoritária na Aleph por US$ 470 milhões, avaliando a empresa em US$ 2 bilhões.

A Aleph atua em mais de 90 mercados por todo o mundo, buscando conectar os maiores players de mídia digital com os anunciantes. Entre os parceiros exclusivos estão Twitter, Spotify, Snapchat, LinkedIn, TikTok e Facebook.

Braskem (BRKM5)

A Braskem anunciou ontem (18) nova parceria de distribuição com a Nexeo Plastics para seus filamentos a base de polipropileno (PP) e pellets (pequenas pelotas) para impressão 3D e fabricação de aditivos.

O acordo irá ampliar a distribuição internacional dos produtos da petroquímica para a América do Norte e Europa.

Paypal (PYPL34)

O PayPal Holdings não cobrará mais multas por atraso de clientes que pularem prestações no serviço ‘compre agora, pague depois’ (BNPL, na sigla em inglês), em meio ao acirramento da competição no setor.

As mudanças entrarão em vigor a partir de outubro nos Estados Unidos, Reino Unido e França, afirmou a empresa nesta quarta-feira. Os serviços de BNPL do PayPal na Alemanha e na Austrália já não cobram essas taxas.

A empresa, que começou a oferecer o serviço BNPL no ano passado, espera que a mudança ajude a tornar seus produtos mais acessíveis e atrativos aos consumidores.

“Sentimos que as multas por atraso estavam prejudicando a experiência do consumidor”, disse o vice-presidente de Produtos Globais Pague Depois da PayPal, Greg Lisiewski, em uma entrevista.

As mudanças chegam no momento em que reguladores ao redor do mundo olham mais perto o setor BNPL, sob rápido crescimento, em uma tentativa de garantir que consumidores não assumam mais dívidas do que podem aguentar.

Lupo

A fabricante de meias e de roupa íntima Lupo pediu autorização para uma IPO (oferta inicial de ações), em busca de recursos para investir em tecnologia, distribuição e aquisições de negócios, segundo registro na CVM (Comissão de Valores Mobiliários) ontem (18).

Criada há um século como Fábrica de Meias Araraquara para produção de meias masculinas, a Lupo foi gradualmente expandindo a prateleira para incluir meias femininas, roupa íntima, artigos esportivos e, no ano passado, máscaras de proteção, diante da pandemia da Covid-19.

A empresa afirma no prospecto preliminar da oferta que tem uma rede de 39 mil pontos de vendas, 202 lojas de varejo e 481 franquias no país. Além disso, exporta para 23 países e fabrica produtos para outras marcas, como Nike e Adidas.

A oferta será coordenada por Itaú BBA, XP, Bank of America, BTG Pactual.

3R Petroleum (RRRP3)

A 3R Petroleum comunicou que sua subsidiaria 3R Macau comprou a participação detila pela Petrogal Brasil no campo de Sanhaçu, localizado na Bacia Potiguar (RN).

O valor total da transação é de US$ 6 milhões, sendo US$ 1,3 milhão pago em 18 de agosto; US$ 1,9 milhão a ser pago na data de fechamento da transação; e duas parcelas de US$ 1,4 milhão a serem pagas em 6 e 12 meses, contados do fechamento da transação

A operação ainda está sujeita ao cumprimento de condições precedentes, tais como, a aprovação pela ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) e pelo Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica).

T-Mobile (T1MU34)

A T-Mobile disse nesta quarta-feira que uma investigação revelou que dados pessoais de mais de 40 milhões de possíveis clientes e ex-clientes foram roubados.

Os dados roubados também incluem dados de 7,8 milhões de clientes do serviço móvel da T-Mobile.

Datas de nascimento, nomes e sobrenomes também foram roubados, afirmou a operadora de serviços de telecomunicações, acrescentando que não houve indicativo de que detalhes financeiros tenham sido comprometidos.

A empresa, que tinha 104,8 milhões de clientes até junho, admitiu a violação de dados no domingo, após a mídia digital Vice ter publicado que um vendedor ofereceu a venda de dados privados em um fórum.

A Vice afirmou que o vendedor alegava que 100 milhões de pessoas tiveram seus dados comprometidos na invasão. Ele estava oferecendo dados de 30 milhões de pessoas por 6 bitcoins, ou cerca de US$ 270 mil.

Relatos posteriores sugeriram que o preço havia caído e que todos os dados estavam sendo vendidos por apenas US$ 200. A Reuters não pôde checar a veracidade da publicação no fórum.

GlobalFoundries

A GlobalFoundries fez um pedido confidencial nos EUA para uma oferta inicial de ações, que pode avaliar a fabricante de chips em cerca de US$ 25 bilhões, afirmaram pessoas com conhecimento do assunto ontem (18).

Essa ação é o sinal mais claro de que a GlobalFoundries, do fundo soberano de Abu Dhabi Mudabala, não pretende aceitar um possível acordo com a Intel que, segundo o Wall Street Journal publicou mês passado, estava em negociações para adquiri-la.

A GlobalFoundries trabalha com Morgan Stanley, Bank of America, JP Morgan, Citi e Credit Suisse nos preparativos para o IPO, disseram as fontes.

A GlobalFoundries deve tornar seu pedido de IPO público em outubro e abrir o capital até o começo de 2021, dependendo do tempo de aprovação pela Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC, na sigla em inglês), disseram as fontes.

As fontes, que pediram anonimato, disseram que o plano está sujeito às condições do mercado e que o cronograma pode mudar.

Facebook (FBOK34)

O Facebook disse que removeu mais de três dezenas de páginas que espalhavam desinformação sobre as vacinas contra a Covid-19, depois que a Casa Branca pediu às empresas de mídia social que aumentassem o controle sobre fatos relacionados à pandemia compartilhados em suas plataformas.

Empresas como YouTube, Twitter e Google foram criticadas pelo governo do presidente dos EUA, Joe Biden, pela alarmante disseminação de informações errôneas sobre vacinas que estão atingindo o ritmo de vacinação em um país onde muitos são hostis à vacinação.

Um relatório recente do Center for Countering Digital Hate mostrou que 12 contas antivacinas estão espalhando quase dois terços da desinformação antivacinas online.

O Facebook contestou a metodologia por trás do relatório, mas disse que removeu mais de três dezenas de páginas, grupos e contas do Facebook ou Instagram vinculadas a essas 12 pessoas por violarem suas políticas.

Rede D’Or (RDOR3) e Alliar (AALR3)

A Rede D’Or comprou mais 1,1 milhões de ações ordinárias da Alliar, POR R$ 12,6 milhões, e um preço médio de R$ 11,42 por papel. No início desta semana, a Alliar foi notificada que a rede de hospitais pretendia comprar todos os ativos de sua emissão.

Caixa (CXSE3)

A Caixa Econômica Federal divulgou seu lucro líquido de R$ 6,3 bilhões de abril a junho, alta de 144,7% frente ao mesmo período do ano anterior e maior resultado para um segundo trimestre da história do banco estatal.

O retorno sobre o patrimônio líquido (ROE) aumentou 2,68 pontos percentuais, para 19,01%, enquanto a margem financeira alcançou R$ 11,1 bilhões, alta de 19,7% frente ao mesmo período do ano passado.

“O crescimento (da margem financeira) é decorrente do aumento de 8,2% nas receitas com operações de crédito e da redução de 10% nas despesas de recursos de clientes, principalmente”, afirmou a Caixa no material de balanço.

O índice de Basileia ficou em 20,1% e o de capital de nível 1 em 15,6%.

O saldo na carteira de crédito total somou R$ 816,3 bilhões no final de junho, crescimento de 13,4% ano a ano. Tal performance foi influenciada pelo crescimentos em 12 meses de 61,1% em crédito comercial pessoa jurídica direcionado, principalmente, para micro e pequenas empresas, além das altas de 45,7% em agronegócio, 17,5% em crédito consignado e 9,2% em habitação.

No segundo trimestre, foram concedidos R$ 100,7 bilhões em crédito para a população brasileira, acréscimo de 4,8% em relação a igual intervalo de 2020.

Vittia Fertilizantes (VITT3)

Após a Vittia Fertilizantes definir o intervalo indicativo de preço do seu IPO entre R$ 8,60 a R$ 10,30, a companhia optou por suspender a oferta de ações devido à volatilidade do mercado.

Melnick (MELK3)

A Melnick encerrou o Programa de Recompra de Ações, tendo adquirido 1 milhão de ativos de sua própria emissão, correspondente a 28,93% dos papéis autorizados pela operação.

“As referidas ações serão mantidas em tesouraria, podendo ser posteriormente canceladas, alienadas no mercado ou destinadas ao eventual exercício de direitos no âmbito de plano de opção de compra de ações da companhia”, informou a empresa via fato relevante.

Copel (CPLE6)

A Copel lançou ontem (18) o novo Programa de Demissão Incentivada, em função da alienação da Copel Telecom.

Estimado em R$ 80,6 milhões de indenizações, esse novo PDI estabelece prazo para adesão no período de 18 a 31 de agosto e com os desligamentos previstos para 15 de fevereiro.

Grupo Soma (SOMA3)

O Grupo Soma recebeu uma correspondência da Truxt Investimentos informando que os fundos sob sua gestão atingiram a participação acionária agregada de 29 milhões de ações, o que corresponde a 5,52% dos papéis de emissão do Grupo.

Enauta (ENAT3)

A Enauta aprovou a instalação do Comitê de Auditoria da companhia, órgão estatutário permanente, vinculado ao Conselho de Administração.

Foram eleitos os seguintes membros para compor o comitê: José Manuel Matos Nicolau, como coordenador, membro externo e especialista em contabilidade societária; Luiz Carlos de Lemos Costamilan, como conselheiro independente; e Leduvy de Pina Gouvêa Filho também como conselheiro.

Even (EVEN3)

A Even encerrou o Programa de Recompra de Ações, tendo comprado 3 milhões de ativos de sua própria emissão, correspondente a 100% dos papéis autorizados na operação.

Grupo Mateus (GMAT3)

O Grupo Mateus recebeu um comunicado da Squadra Investimentos informando a aquisição de mais de 5% das ações ordinárias emitidas pela rede de mercados.

Light (LIGT3)

A Light deliberou a destituição de Roberto Caixeta Barroso como diretor e diretor de RI, substituído interinamente por Raimundo Nonato Alencar de Castro, diretor presidente da companhia.

B3 (B3SA3)

De acordo com a B3, o exercício de opções do Ibovespa movimentou R$ 14,6 bilhões, com 119.244 contratos negociados. Do volume de operações exercidas, R$ 595 referem-se as opções de compra e R$ 14 bilhões a opções de vendas.

A bolsa informou também que os maiores volumes de exercício foram da serie a 120 mil pontos, que movimentou R$ 2,7 bilhões em opção de venda, e a série de 125 mil pontos, que movimentou R$ 2,3 bilhões também em venda.

(Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: