Empresas de robótica arrecadam US$ 6,3 bilhões em capital de risco durante a pandemia

Valor representa um aumento de quase 50% em relação ao mesmo período do ano anterior

Amy Feldman
Compartilhe esta publicação:
Reprodução/Forbes
Reprodução/Forbes

Os investimentos em robótica aumentaram mais de cinco vezes nos últimos cinco anos, de US$ 1 bilhão em 2015 para US$ 5,4 bilhões em 2020

Acessibilidade


Os investimentos em robótica explodiram durante a pandemia. Nos últimos 12 meses (até 11 de março), as empresas de risco investiram US$ 6,3 bilhões em empresas de robótica, quase 50% a mais que os US$ 4,3 bilhões que investiram no mesmo período do ano anterior, de acordo com uma análise do banco de dados de capital de risco PitchBook para Forbes.

Empresas de robótica industrial? Elas obtiveram US$ 1,9 bilhão deste financiamento, um aumento de 90% em relação ao US$ 1 bilhão obtido um ano antes, de acordo com a PitchBook. Isso faz com que essas companhias, que atendem fábricas e depósitos, tenham recebido quase um terço do investimento total de risco naquele período, à medida que a inovação industrial atrai mais interesse dos investidores de risco.

Siga todas as novidades do Forbes Tech no Telegram

Embora esses números ainda sejam pequenos em comparação ao investimento em saúde, digamos, ou software baseado em nuvem, eles representam uma tendência intrigante.

Considere o impulso de robôs para armazéns, movido por um esforço dos varejistas para acompanhar a Amazon à medida que os consumidores recorrem ao comércio eletrônico em massa durante a pandemia. Essa mudança ajudou a Locus Robotics a tornar-se um unicórnio, ao levantar US$ 150 milhões em uma avaliação de US$ 1 bilhão em fevereiro.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

LEIA MAIS: Conheça o mais novo unicórnio da robótica

Outras empresas de robótica que ganharam financiamento durante o ano pandêmico vão desde a Outrider, que arrecadou US$ 53 milhões para automatizar pátios de distribuição, a Neocis, que arrecadou US$ 72 milhões em cirurgia dentária robótica assistida, e a AMP Robotics, que levantou US$ 55 milhões para seus robôs recicladores.

No longo prazo, os investimentos em robótica aumentaram mais de cinco vezes nos últimos cinco anos, de US$ 1 bilhão em 2015 para US$ 5,4 bilhões em 2020, conforme o número de empresas que atraíram investimentos atingiu 269, contra 169 em 2015, de acordo com a PitchBook. Enquanto isso, os investimentos em robótica industrial saltaram de US$ 300 milhões para US$ 1,9 bilhão no mesmo período, com o número de startups sendo financiadas chegando a 68, contra 48.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: