iPhone SE 5G: o destaque dos lançamentos da Apple

A terceira geração do iPhone, apresentada hoje (8) em evento da marca, tem visual de 2014 e preço mais em conta .

Andressa Barbosa
Compartilhe esta publicação:
Divulgação Apple

Novo visual do iPhone SE apresentado no evento da Apple hoje (8)

Acessibilidade


Dentre vários lançamentos da Apple no evento realizado na tarde de hoje (8), a terceira geração do iPhone SE foi um dos destaques. A marca apresentou o SE 5G com chip A15 e versão mais em conta, além de visual que remete ao design do iPhone de 2014. O modelo traz um chip da série iPhone 13 com alto desempenho e capacidade de 64 GB, 128 GB e 256 GB.

A tela mede 4,7  na diagonal, embora os painéis o tornem maior que um iPhone mini. Ainda assim, essa nova geração ganhou uma tela mais resistente e com maior durabilidade e um leitor de impressão digital Touch ID abaixo da tela. 

LEIA TAMBÉM: Além do trilhão: os momentos cruciais da Apple em 2022

O iPhone SE (2022) ainda possui uma única unidade de 12 MP,  estabilização de imagem com deslocamento do sensor e um dos destaques do modelo: o suporte ao 5G. A Apple ainda está vendendo modelos do iPhone 11, então tem ofertas 4G, mas todos os modelos atuais estão em 5G agora. 

O novo iPhone SE (2022) estará em pré-venda na sexta-feira, 11 de março, a partir de US$429 para o modelo de 64 GB. As remessas começam em 18 de março na primeira onda de 30 países, incluindo Austrália, Canadá, China, França, Alemanha, Índia, Japão, Reino Unido e EUA. Ainda sem previsão para o Brasil. 

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

No mesmo evento, a Apple apresentou novas versões do iPad Air e uma versão atualizada do Mac Mini. De acordo com Angelo Zino, analista da CFRA Research, ressaltou que a Apple, com esse movimento, pode atrair a consumidores mais sensíveis a preço. “O iPhone SE realmente atende bem a muitos compradores de primeira viagem no ecossistema do iPhone que podem ser indivíduos mais jovens”, disse Zino.

“Atualmente, na maioria dos países do mundo, essa tecnologia (5G) simplesmente não é boa o suficiente para criar uma experiência única e diferenciada… o fato do iPhone SE vir com 5G é mais uma maneira de permitir que os usuários aproveitem a tecnologia e sua evolução ao longo do próximo ano ou dois”, disse o analista de pesquisa da Canalys, Runar Bjørhovde.

Compartilhe esta publicação: