Safra de trigo de inverno dos EUA fica abaixo das expectativas do USDA

Onze analistas consultados pela Reuters, em média, esperavam que o governo classificasse 40% da safra como boa a excelente.

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Karl Plume/Reuters
Karl Plume/Reuters

Plantação de trigo em Grandin, Dakota do Norte (EUA)

Acessibilidade


O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA, na sigla em inglês) classificou ontem (04) 30% do trigo de inverno dos Estados Unidos em condição boa a excelente, abaixo das expectativas de analistas e dos 53% vistos um ano atrás, conforme o primeiro relatório semanal de progresso da safra para 2022.

Onze analistas consultados pela Reuters, em média, esperavam que o governo classificasse 40% da safra como boa a excelente. As estimativas variavam de 32% a 47%.

Durante o inverno e início da primavera (do hemisfério Norte), a seca persistiu em grande parte das planícies, a principal região para o trigo de inverno vermelho duro, a maior classe de trigo dos EUA.

O trigo de inverno, plantado no último outono, será colhido principalmente em junho e julho.

O USDA ainda informou que o plantio da safra de milho dos EUA está 2% concluído, correspondendo à estimativa média dos analistas e à média de cinco anos.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.
Compartilhe esta publicação: