Os super carros do Salão de Genebra de 2019

Getty Images
Esse sempre foi um evento que teve como base o desempenho, repleto de carros esportivos extravagantes e de luxo que despertam os sentidos do público.

Muitas pessoas acham que os salões de automóveis são coisas do passado. Mas a verdade é que apenas os eventos norte-americanos perderam parte de seu glamour nos últimos anos, concentrando-se mais na parte funcional do que na beleza dos carros. Isso, no entanto, não acontece em Genebra.

LEIA MAIS: Esportivos de luxo com maior e menor desvalorização

O Geneva Motor Show de 2019 abriu as portas na manhã da última quinta-feira (7). Esse sempre foi um evento que teve como base o desempenho, repleto de carros esportivos extravagantes e de luxo que despertam os sentidos do público. E neste ano não foi diferente.

A economia europeia está em crise e as consequências do Brexit podem prejudicar os principais fabricantes de automóveis do mundo, mas isso não impede que marcas como Aston Martin, Audi, Bugatti, Ferrari, Lamborghini e McLaren, entre outras, apresentem suas principais inovações.

Veja, na galeria abaixo, alguns dos modelos apresentados na edição 2019 do Salão de Genebra:

  • Aston Martin AM-RB 003

    Anteriormente chamado de Project 003, o AM-RB 003 é o terceiro modelo da linha a utilizar motor central da marca, unindo-se aos impressionantes Valkyrie e Valkyrie AMR Pro. O novo veículo ficará abaixo do Valkyrie e competirá com os modelos da LaFerrari, da Ferrari, e Senna, da McLaren.

    Embora parte do design seja semelhante ao Valkyrie, o AM-RB 003 ostenta um layout de supercarro de motor central mais tradicional, com tecnologia aeroespacial FlexFoil.

    O 003 é impulsionado por um novo motor V6, e contará com diferentes níveis de hibridização e turbocompressão para ajudar em seu desempenho. Por exemplo: o modelo pode empregar a tecnologia KERS. Um dos pilares das corridas de Fórmula 1, o sistema KERS captura energia cinética durante a frenagem e a armazena para usar quando necessário. Mesmo que a Aston Martin não comente sobre a produção de energia, os rumores indicam mais de 1.000 cavalos de potência.

  • Bugatti La Voiture Noire

    Traduzido simplesmente como “O Carro Negro”, o novo veículo não tem nada de simples – pelo contrário, conta com o conforto de uma luxuosa limousine e a musculatura de um super carro.

    Segundo a Bugatti, o La Voiture Noire é uma versão mais moderna do lendário Type 57 SC Atlantic, que celebra seu 80º aniversário em 2019. Tecnicamente, o veículo utiliza muito dos fundamentos do do Bugatti Chiron. Contudo, a carroceria diferenciada, acabamento preto brilhante, uma distância entre eixos mais longa e ajustes de motor significativos o tornam único.

    Infelizmente, não é possível comprar a super máquina, não somente pelo preço – US$ 19 milhões, o que faz com que seja considerado o mais caro do mundo -, mas porque ele já havia sido vendido antes mesmo do início do Salão de Genebra.

  • Ferrari F8 Tributo

    Este carro de dois lugares com motor traseiro médio é o sucessor da popular 488 GTB, lançada em 2015. De acordo com a montadora italiana, o F8 Tributo é tão potente quanto o 488 Pista, mas com foco mais ajustado para a dirigibilidade e o conforto.

  • Koenigsegg Jesko

    A montadora sueca Koenigsegg é responsável pela montagem de alguns dos carros mais rápidos do mundo. O Agera RS é um exemplo. Ele detém o recorde de mais alta velocidade de um carro de linha: 445 km/h. O Jesko é o último veículo da marca, e é possível que substitua o Agera RS.

  • McLaren Speedtail

    O McLaren Speedtail é o sucessor espiritual do McLaren F1, de 1992, o lendário coupé ultraleve de motor central V12, com velocidade máxima de 250 km/h, que o transformou no primeiro hipercarro do mundo. Segundo a McLaren, o carro “reúne níveis inéditos de inovação e elegância capazes de criar uma nova referência em design automotivo”.

  • Mercedes-AMG GT R Roadster

    Após alguns meses nas ruas, o AMG GT R Coupé provou ser uma preciosidade de carro, combinando luxo e performance. Agora, os gurus de desempenho da Mercedes estão chegando ao topo, ao oferecer um roadster que promete funcionar tão bem quanto o cupê. Apenas 750 unidades serão colocadas no mercado.

  • Piëch Automotive Mark Zero

    Há quase quatro anos, Anton Piëch e o empreendedor em série e designer industrial Rea Stark Rajcic tiveram a ideia de desenvolver uma nova arquitetura de veículo flexível. Os dois imaginavam um carro elétrico com motores intercambiáveis, baterias e software – o conceito era que, com a melhoria da tecnologia, o carro também poderia progredir. Além disso, a plataforma deveria ser configurável, capaz de abrigar uma variedade de motorizações – de modelos híbridos a células de combustível de hidrogênio e opções completas de combustão interna. Assim nasceu a Piëch Automotive. E, no evento, a nova empresa apresentou seu primeiro EV, o Piëch Mark Zero.

  • Automobili Pininfarina Battista

    A famosa empresa italiana de design de automóveis Pininfarina lançou muitos carros esportivos em escala ao longo dos anos, como Alfa Romeo, Ferrari e Maserati. Agora, o escritório está pronto para lançar sua linha de automóveis, sob uma nova divisão: a Automobili Pininfarina. Seu primeiro lançamento é um hipercarro elétrico com uma aparência espetacular.

  • Porsche 718 Cayman T e 718 Boxster T

    Mais adaptável em uma estrada de montanha do que uma rodovia comum, o veículo de dois lugares é projetado como um esportivo, ideal para aquele tipo de motorista que ama não apenas a velocidade, mas também a força bruta de um carro.

    O 718 Cayman T e o 718 Boxster T são movidos pelo mesmo motor turbo de 2 litros, além de quatro cilindros que oferecem 300 cavalos de potência. A velocidade máxima é de 275 km/h.

  • Lamborghini Huracán Evo Spyder

    Após alguns meses da apresentação do Huracán Evo Coupe ao mundo, a montadora italiana logo deu início à criação do Evo Spyder.

    Assim como o cupê hardtop, o conversível conta com motor V10 com capacidade de 5,2 litros, que agora produz 640 cavalos de potência, assim como o modelo Performante, inspirado nas pistas. Com a ajuda de uma embreagem dupla de sete velocidades e tração nas quatro rodas, o Huracán Evo pode chegar à 100 km/h em 3,1 segundos, atingindo mais de 320 km/h.

Aston Martin AM-RB 003

Anteriormente chamado de Project 003, o AM-RB 003 é o terceiro modelo da linha a utilizar motor central da marca, unindo-se aos impressionantes Valkyrie e Valkyrie AMR Pro. O novo veículo ficará abaixo do Valkyrie e competirá com os modelos da LaFerrari, da Ferrari, e Senna, da McLaren.

Embora parte do design seja semelhante ao Valkyrie, o AM-RB 003 ostenta um layout de supercarro de motor central mais tradicional, com tecnologia aeroespacial FlexFoil.

O 003 é impulsionado por um novo motor V6, e contará com diferentes níveis de hibridização e turbocompressão para ajudar em seu desempenho. Por exemplo: o modelo pode empregar a tecnologia KERS. Um dos pilares das corridas de Fórmula 1, o sistema KERS captura energia cinética durante a frenagem e a armazena para usar quando necessário. Mesmo que a Aston Martin não comente sobre a produção de energia, os rumores indicam mais de 1.000 cavalos de potência.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Forbes no Facebook: http://fb.com/forbesbrasil
Forbes no Twitter: http://twitter.com/forbesbr
Forbes no Instagram: http://instagram.com/forbesbr

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).