Laboratório anuncia que vacina contra Covid-19 Covaxin será testada no Brasil

Adnan Abidi/Reuters
Adnan Abidi/Reuters

Os ensaios clínicos da fase 3 da Covaxin começaram na Índia em novembro do ano passado

A Precisa Medicamentos anunciou ontem (3) ter assinado um termo de cooperação científica com o Instituto Israelita Albert Einstein de Ensino e Pesquisa (IIAEEP) para realizar no país estudos de fase 3 da vacina Covaxin, imunizante para Covid-19 produzido pelo laboratório indiano BharatBiotech.

A decisão do laboratório ocorre no dia em que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu flexibilizar exigências para pedidos de uso emergencial no país de vacinas contra Covid, permitindo, inclusive, que laboratórios não sejam obrigados a fazer testes de fase 3 no Brasil.

LEIA MAIS: Anvisa permite uso emergencial de vacinas contra Covid-19 não testadas no Brasil

Segundo o comunicado, os ensaios clínicos da fase 3 da Covaxin começaram na Índia em novembro do ano passado e estão em andamento em cerca de 26 mil voluntários em todo o país. Essa é a fase mais avançada antes do pedido de uso de uma vacina propriamente dita.

“Os testes serão iniciados imediatamente após a anuência da Anvisa, e será pedido à agência o registro da vacina indiana para colocá-la à disposição do país no Plano Nacional de Vacinação, assim como está sendo utilizada desde 16 de janeiro na Índia no maior plano de vacinação do planeta.” (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).