Facebook corrige falha que expôs milhões de senhas

Getty Images
As senhas ficaram acessíveis a 20 mil funcionários do Facebook e datavam de 2012

O Facebook informou hoje (21) que solucionou uma falha que expôs senhas de milhões de usuários armazenadas em formato legível dentro de seus sistemas internos a seus funcionários.

LEIA MAIS: Facebook enfrenta 2º dia de pane global de serviços

As senhas ficaram acessíveis a 20 mil funcionários do Facebook e datavam de 2012, segundo o blog “KrebsOnSecurity”, que reportou o problema pela primeira vez.

“Essas senhas nunca foram visíveis para ninguém fora do Facebook e não encontramos nenhuma evidência até o momento de que internamente alguém tenha abusado ou acessado indevidamente”, disse a empresa.

O blog, citando um funcionário sênior do Facebook, disse que uma investigação interna da empresa até agora indica que entre 200 milhões e 600 milhões de usuários da plataforma de rede social podem ter tido suas senhas de contas armazenadas em texto simples.

O Facebook disse que o problema foi descoberto em janeiro como parte de uma revisão de segurança de rotina. A maioria dos afetados eram usuários do Facebook Lite, uma versão do aplicativo de mídia social usada em grande parte por pessoas em regiões com menor conectividade.

“Estimamos que teremos que notificar centenas de milhões de usuários do Facebook Lite, dezenas de milhões de outros usuários do Facebook e dezenas de milhares de usuários do Instagram”, disse a empresa.


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Forbes no Facebook: http://fb.com/forbesbrasil
Forbes no Twitter: http://twitter.com/forbesbr
Forbes no Instagram: http://instagram.com/forbesbr

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).