Uber compra controle da chilena Cornershop

Rodrigo Garrido Illustration/Reuters
A Cornershop afirma entregar produtos “na porta da sua casa em uma hora”

A Uber Technologies anunciou hoje (11) a compra do controle do supermercado online chileno Cornershop, em estratégia para ampliar seu serviço de entregas.

LEIA MAIS: SoftBank deve perder mais de US$ 5 bilhões com Uber e WeWork

Além do Chile, a Cornershop tem operações no México, Canadá e Peru. O presidente-executivo da empresa, Oskar Hjertonsson, afirmou que o acordo com a Uber vai permitir à companhia entregar produtos em “muito mais países ao redor do mundo”.

A Cornershop afirma entregar produtos “na porta da sua casa em uma hora” de varejistas que incluem Costco e Walmart. A empresa cobra das redes de varejo e dos usuários de seu aplicativo uma comissão por seus serviços.

“Queremos que a Uber seja o sistema operacional da sua vida cotidiana”, disse o presidente-executivo da companhia norte-americana, Dara Khosrowshahi.

Dados financeiros da operação não foram revelados. O acordo deve ser concluído no início de 2020, dependendo de aprovações de autoridades regulatórias.

Mais cedo neste ano, autoridades do México impediram que o Walmart comprasse a Cornershop.

O serviço da Uber continua tecnicamente ilegal no Chile. Uma legislação caminha lentamente no Congresso chileno para regular aplicativos de transporte.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).