“Frozen 2” bate recorde no feriado de Ação de Graças nos EUA

Divulgação
“Frozen 2” fez US$ 130 milhões em sua estreia, cimentando mais uma grande bilheteria para as animações da Disney

“Frozen 2”, da Disney, recheou a bilheteria durante o feriado de Ação de Graças ao gerar US$ 85,2 milhões ao longo do fim de semana, com um recorde de US$ 123,7 milhões ao longo dos cinco dias do feriado.

A animação passou a melhor marca anterior do feriado de Ação de Graças, de “Jogos Vorazes: Em Chamas”, em 2013, com seus US$ 109 milhões entre a quarta-feira e o domingo da semana do feriado.

Como “Frozen 2”, “Jogos Vorazes” estreou uma semana antes de Ações de Graças.

Após dois finais de semana nos cinemas, “Frozen 2” está se aproximando da marca de US$ 300 milhões na América do Norte, com US$ 287 milhões atualmente.

“Frozen 2” fez US$ 130 milhões em sua estreia, cimentando mais uma grande bilheteria para as animações da Disney.

VEJA MAIS: Relíquia de madeira da manjedoura de Jesus é exposta em Jerusalém

Embora “Frozen 2” tenha ficado com uma grande fatia das bilheterias, novos filmes cumpriram bem o papel de concorrência ao filme da Disney e conseguiram sólidas receitas.

Impulsionado por elogios da crítica e adoração do público, “Entre Facas e Segredos”, da Lionsgate, o policial dirigido por Ryan Johnson, estreou além das expectativas, com o segundo lugar na bilheteria doméstica, arrecadando US$ 27 milhões ao longo do fim de semana e US$ 41,7 milhões entre quarta-feira e domingo.

Antes do fim de semana, projetava-se que o mistério com Daniel Craig, Jamie Lee Curtis e Chris Evans ganharia entre US$ 20 milhões e US$ 25 milhões em seus cinco primeiros dias. O filme custou US$ 40 milhões e deve representar uma vitória para o conteúdo original nos cinemas.

Embora este final de semana de Ação de Graças não tenha superado o do ano passado, que arrecadou US$ 315 milhões, o feriado está ajudando a reforçar o caixa de um mês de novembro frio na bilheteria.

Antes do longo fim de semana, a venda de ingressos geral estava em queda de mais de 7%, segundo o Comscore. Agora, está em queda de 5,6%.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).