UPL tem novo CEO para operação no Brasil

Matt Mawson/Getty Images
Matt Mawson/Getty Images

A escolha faz parte de um processo de transformação mundial da companhia, que contará com a mudança do atual CEO no Brasil

A companhia indiana de agroquímicos e soluções agrícolas UPL vai anunciar amanhã (25) a chegada do novo CEO para a operação da empresa no Brasil, Rogério Castro, antecipou à Reuters em comunicado.

A escolha faz parte de um processo de transformação mundial da companhia, que contará com a mudança do atual CEO no Brasil, Fábio Torretta, para a cadeira de head global de soluções sustentáveis da UPL.

LEIA MAIS: BP Bunge lança programa para canavieiros que inclui fixação de ATR e crédito

Com mais de 30 anos de atuação no agronegócio, Castro é formado em agronomia pela Universidade Federal de Lavras, possui certificação em contabilidade financeira pela Fundação Getulio Vargas e cursou o Programa de Gestão Avançada da Harvard Business School. Entre 2011 e 2019, foi head de negócios da UPL no Brasil.

“A UPL é uma das maiores empresas de soluções agrícolas do Brasil, país que também representa o maior mercado da companhia no mundo. Nosso desafio é potencializar esse crescimento”, disse Castro em nota.

Torretta, por sua vez, concentra atuação no desenvolvimento de estratégias para fortalecer inovações de origem natural para proteção de cultivos, além do melhoramento da resiliência das plantas e o aumento do rendimento de safras, impactando a saúde vegetal e a sustentabilidade dos sistemas de produção de alimentos em um nível macro, ressaltou a UPL. (Com Reuters)


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

 

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).