Como largar um emprego para abrir seu próprio negócio

Se você está pensando em desistir de um emprego para iniciar um negócio, veja estas dicas importantes para dar o salto com sucesso.

Caroline Castrillon
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

A pandemia apresentou muitas oportunidades para aspirantes a empreendedores. Mas, é claro, a transição para ser um empreendedor não é fácil

Acessibilidade


De acordo com os dados de pesquisa mais recentes do Google, a busca “como iniciar um negócio” superou “como conseguir um emprego” nas consultas ao Google em 2021. Essas informações vêm do “Ano em Pesquisa” do Google, que apresenta dados do ano passado divididos em uma lista de tendências por categoria. Parece que, enquanto milhões de americanos estão deixando seus empregos em busca de salários mais altos, muitos estão fazendo isso na esperança de se tornarem seus próprios patrões.

Os dados do governo dos EUA apoiam essa tendência. Os números do US Census Bureau revelam que os americanos enviaram um recorde de 5,4 milhões de solicitações de negócios em 2021 – o maior volume em quase 20 anos. Além disso, as inscrições devem ser ainda maiores este ano. Então, se você está pensando em passar da vida corporativa para o autônomo, você não está sozinho.

A pandemia apresentou muitas oportunidades para aspirantes a empreendedores. Mas, é claro, a transição para ser um empreendedor não é fácil. Trabalhar para si mesmo pode lhe dar a liberdade de escolher seu próprio estilo de vida, mas, novamente, você não está contando com um salário fixo. Portanto, se você está pensando em desistir para iniciar um negócio, aqui estão algumas considerações importantes para dar o salto com sucesso.

Comece um negócio pelo qual você é apaixonado

Começar um negócio é como ter um bebê. Não só nunca existe um momento “certo”, mas também requer muito planejamento, preparação e dedicação. Haverá altos e baixos. Você vai até ter dias de arrancar os cabelos pensando: “Eu fiz a coisa certa?”. Mas se a paixão estiver lá, ela o ajudará nesses momentos difíceis. Se você vai dar um salto gigante, deve por algo que faça você querer sair da cama de manhã. Então, quando você se envolver em uma atividade que alimenta sua alma e potencializa seus pontos fortes, você saberá que está no caminho certo.

Comece um negócio pelos motivos certos

Algumas pessoas estão destinadas a serem empreendedoras. Talvez você adore variedade, dando as ordens e construindo algo do nada. Ou você sonha em perseguir sua paixão enquanto tem mais flexibilidade e deixa um legado do qual pode se orgulhar. E há também a independência financeira. Mas se você quer começar um negócio porque odeia seu trabalho, despreza seu chefe ou quer ficar famoso, provavelmente é uma boa ideia reconsiderar o empreendedorismo.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Saiba o que você não sabe

Uma das chaves para ser um empreendedor de sucesso é alavancar seus pontos fortes e encontrar recursos para complementar seus pontos fracos. Você não pode fazer tudo sozinho. Mesmo como um empreendedor solo, você precisará contar com freelancers, estagiários ou outra assistência para colocar o negócio em funcionamento. Outra sugestão é encontrar conselheiros, coachs ou mentores confiáveis ​​que possam fornecer orientação e feedback valiosos ao longo do caminho. Encontre pessoas que você gostaria de imitar. Um mentor ou coach pode ajudar na cobrança, dando-lhe o apoio e a confiança de que você precisa para continuar seguindo em frente.

Comece devagar, mas pense grande

Começar um negócio requer planejamento e dedicação. Permita-se pelo menos 12 meses para preparar sua estratégia de saída. Idealmente, você desejará iniciar seu negócio como uma atividade paralela enquanto ainda estiver empregado. Reserve um tempo para conhecer seu público-alvo. Se possível, realize pesquisas de mercado formais ou informais. Essa abordagem reduzirá seu risco e lhe dará mais tempo para validar sua ideia de negócio.

Prepare-se financeiramente para iniciar um negócio

Não é segredo que a maioria das pequenas empresas falha nos primeiros cinco anos. Mas um estudo do U.S. Bank descobriu que 82% das vezes, a má gestão do fluxo de caixa contribui para essa falha. Portanto, antes de fazer a transição, converse com seu contador ou consultor para revisar sua situação financeira. Ter uma reserva de caixa saudável o ajudará nos inevitáveis ​​picos e vales que acompanham o empreendedorismo. A quantidade de dinheiro que você reserva dependerá do seu setor, despesas e quando você espera começar a gerar renda. Você também vai precisar escolher uma estrutura legal, registrar sua empresa, obter documentos e abrir uma conta bancária comercial.

Se você deseja iniciar um negócio, não há melhor momento do que o presente. Você pode se beneficiar do aumento do empreendedorismo para fazer contatos com outros proprietários de pequenas empresas em potencial. As chances são de que você também esteja trabalhando remotamente, o que oferece maior flexibilidade. Como disse Steve Jobs: “Seu tempo é limitado, então não o desperdice vivendo a vida de outra pessoa. Não fique preso ao dogma – que é viver com os resultados do pensamento de outras pessoas. Não deixe o barulho das opiniões dos outros abafar sua própria voz interior. E o mais importante, tenha a coragem de seguir seu coração e sua intuição. De alguma forma, eles já sabem o que você realmente quer se tornar. Todo o resto é secundário.”

Leia mais sobre empreendedorismo:

7 maneiras de desenvolver uma mentalidade empreendedora

5 características do empreendedorismo no Brasil segundo o suíço Dominique Oliver, fundador da Amaro

Top 50 maiores franquias do Brasil: O Boticário lidera ranking da ABF

Compartilhe esta publicação: