Aneel dá aval para transferência de controle da CEEE-D à Equatorial

Operação deve ser implementada em prazo estabelecido em 120 dias .

Redação
Compartilhe esta publicação:
Paulo Whitaker/Reuters
Paulo Whitaker/Reuters

Transferência deve ocorrer em prazo estabelecido de 120 dias , segundo Aneel

Acessibilidade


A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) deu anuência prévia à transferência de controle societário da distribuidora gaúcha Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica (CEEE-D) para o grupo Equatorial, vencedor do leilão de privatização realizado no fim de março na B3, em São Paulo.

A decisão consta de despacho da Superintendência de Fiscalização Econômica e Financeira (SFF) da Aneel, publicado na edição de hoje (28) do Diário Oficial da União.

LEIA TAMBÉM: JPMorgan eleva Petrobras para ‘overweight’, com preço-alvo de R$ 35,5

O documento estabelece prazo de 120 dias, a partir de sua publicação, para que a operação seja implementada, segundo nota da Aneel.

Após a formalização da transferência, a empresa tem até 30 dias para encaminhar à Aneel a comprovação da conclusão da operação.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A Equatorial assumiu passivos totais de cerca de R$ 4,1 bilhões com a compra da distribuidora de energia CEEE-D.

Ao fim de março, a Equatorial venceu leilão de privatização da distribuidora de eletricidade, ao apresentar a única oferta pela companhia em pregão na bolsa B3. (Com Reuters)

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: