Mercados futuros fazem "Rali do Papai Noel" na última semana do ano

Investidores em ações estão se posicionando e planejando nesses dias, de acordo com as estimativas para 2022.

Redação
Compartilhe esta publicação:

Nico De Pasquale_GuettyimagesOs futuros de ações dos EUA subiram hoje (28), um dia depois de um fechamento recorde para o S&P 500 em meio à menor liquidez nos últimos dias do ano. O índice abriu em uma máxima recorde, estendendo um rali de quatro dias.

Acessibilidade


Os contratos futuros vinculados ao S&P 500 subiram 0,3% depois que o índice do mercado amplo subiu 1,4% ontem. Entre os 11 principais setores do S&P 500, oito eram negociados em alta hoje, com o índice financeiro liderando os ganhos. Já os futuros do Nasdaq-100 subiram 0,5%, após a abertura hoje. E os futuros do Dow Jones Industrial Average subiram 0,2%.

A variante Omicron vem afetando os mercados em todo o mundo em função de novas restrições para tentar conter mais um surto de Covid-19, mesmo que especialistas apontem um menor risco de hospitalização e que a variante não será capaz de interromper o movimento de recuperação da economia. O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos EUA encurtou o tempo de isolamento recomendado para norte-americanos com casos assintomáticos de Covid-19 para cinco dias, ante orientação anterior de dez dias. Ainda assim, muitos economistas reduziram suas projeções de crescimento econômico no primeiro trimestre do ano que vem.

LEIA TAMBÉM: Bolsa brasileira bate recorde de IPOs em 2021; veja as ações que mais valorizaram

Além disso, índices como o S&P 500 tendem a subir nos últimos cinco dias do ano e nos primeiros dois dias do ano novo, embalados pelo que os analistas chamam de “Rali do Papai Noel”. Isso ocorre porque os investidores em ações começam a se posicionar e planejar, de acordo com as estimativas para 2022.

Foi por isso que, enquanto os fabricantes de vacinas viram suas ações caírem, como Novavax com 3,3% e Moderna com 1%, no pré-mercado várias ações importantes de tecnologia subiram, como a Nvidia com 1,4% e a Tesla com 1,7%. Já os preços do petróleo subiram, com a referência global Brent elevando em 1,1%, para US$ 79,07 o barril.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Na Ásia, a maioria dos principais benchmarks subiu. O Índice Composto de Xangai subiu 0,4% e o Índice Hang Seng de Hong Kong subiu 0,2%. O Nikkei 225 do Japão avançou 1,4%, liderado por ganhos em ações de tecnologia.

Ainda em relação à Ásia, as ações do China Evergrande Group aumentaram 9,5%. Altamente endividada, a incorporadora imobiliária informou que as obras de construção foram retomadas em mais de 90% de seus projetos residenciais que estavam paralisados.

No exterior, o pan-continental Stoxx Europe 600 somou 0,5%. (Com Reuters)

Compartilhe esta publicação: