Super Bowl 56: o dinheiro por trás do jogo entre Cincinnati Bengals e Los Angeles Rams

Final da NFL deve movimentar US$ 7,6 milhões em apostas, 78% a mais do que em 2021.

Brett Knight
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

O estádio de SoFi, localizado em Inglewood, na Califórnia, será a sede da final do Super Bowl entre o Los Angeles Rams e o Cincinnati Bengals

Acessibilidade


Acontece hoje a 56ª edição do Super Bowl, partida que define o campeão NFL, a liga dos EUA de futebol americano. O jogo, realizado entre o Cincinnati Bengals e o Los Angeles Rams, têm início marcado para às 20h30, do horário de Brasília.

É a segunda vez em quatro temporadas que o Los Angeles Rams compete pelo título. Já os Cincinnati Bengals não venciam um jogo de playoffs desde 1991.

Aqui está tudo o que você precisa saber antes do grande jogo.

SAIBA MAIS: Da Tiffany, troféu do Super Bowl é de prata esterlina e pesa 7 quilos

O confronto

Há uma significativa desigualdade financeira entre as equipes. A final será disputada entre o quarto time mais valioso da NFL e o 31º (há 32 times na liga). Os Bengals são uma empresa familiar. Stan Kroenke, dono de um império esportivo, está por trás dos Los Angeles Rams.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Os jogadores do time vencedor receberão um bônus de US$ 150 mil da NFL; os do time perdedor receberão US$ 75 mil cada.

Os jogadores

O jogo não contará com nenhum dos dez jogadores mais bem pagos da NFL desta temporada, mas incluirá um quarterback que fatura US$ 22 milhões: Matthew Stafford.

O left tackle de 40 anos está de olho em uma final digna de Hollywood –ele enfrenta o time onde jogou durante os primeiros 11 anos de sua carreira. Odell Beckham Jr. está feliz por ter escolhido os Rams em vez dos Chiefs. Já Aaron Donald e a defesa acham que têm um bom confronto.

O quarterback do Bengals, Joe Burrow, pode sair da partida com mais um contrato de patrocínio garantido, mas pelo menos por enquanto, ele não é o jogador mais bem pago de sua equipe.

O espetáculo

O estádio de SoFi é diferente dos outros campos da NFL, e não apenas por causa de seu preço de US$ 5 bilhões. Aqui estão seis de seus recursos mais interessantes.

O show do intervalo terá apresentações de Dr. Dre, Snoop Dogg, Eminem, Mary J. Blige e Kendrick Lamar. Eles são todos grandes estrelas, mas o cachê que receberão é igual a zero.

Este ano, a registrou os melhores índices de audiência dos últimos anos, o que é uma ótima notícia para os anunciantes de TV que gastam até US$ 7 milhões por um comercial de 30 segundos.

As apostas

Os norte-americanos devem apostar US$ 7,6 bilhões no jogo, um aumento de 78% em relação ao ano passado. Os Los Angeles Rams são favoritos por 4 pontos, e há uma série de apostas interessantes. Um lendário apostador colocou mais de US$ 9,5 milhões em uma vitória do Bengals.

Compartilhe esta publicação: