Brasil e Europa inauguram cabo submarino de fibra óptica

Alessandro Bianchi/Reuters
Alessandro Bianchi/Reuters

Segundo os comunicados, a nova rota será a primeira conexão direta de fibras ópticas de alta capacidade entre América do Sul e Europa

Brasil e União Europeia inauguraram hoje (1) o primeiro cabo submarino de fibra óptica de alta capacidade ligando as regiões, com investimento total superior a US$ 1 bilhão, informaram o governo brasileiro e a empresa irlandesa EllaLink, responsável pelo projeto.

O cabo, com extensão de 6,2 mil quilômetros e a 4 mil metros de profundidade no Oceano Atlântico, ligará Fortaleza (CE) à cidade portuguesa de Sines.

LEIA TAMBÉM: Provedora de internet por fibra óptica Desktop pede registro para IPO

Segundo os comunicados, a nova rota será a primeira conexão direta de fibras ópticas de alta capacidade entre América do Sul e Europa, já que as atuais passam pelos Estados Unidos.

“Atualmente, nós não temos uma conexão direta, nós temos que passar as informações pelos Estados Unidos. Esse cabo permite um tráfego muito maior de dados, uma velocidade muito maior, ou seja, em menor tempo latência”, disse em comunicado o ministro da MCTI (Ciência, Tecnologia e Inovações), Marcos Pontes, que participou da cerimônia de inauguração em Portugal.

De acordo com a EllaLink, a ligação direta reduzirá à metade a latência – o tempo gasto na transmissão de dados – o que terá impactos em situações tão distintas quanto operações no mercado financeiro, pesquisa científica e jogos online.

O projeto recebeu investimento de cerca de R$ 56 milhões do governo brasileiro; quase R$ 160 milhões da Comissão Europeia, e quase 1 bilhão de reis da EllaLink. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).