UE multa Amazon em US$ 886 milhões em caso sobre privacidade de dados

A regulação do bloco exige que as empresas busquem o consentimento das pessoas antes de usarem seus dados pessoais.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

A regulação do bloco exige que as empresas busquem o consentimento das pessoas antes de usarem seus dados pessoais

Acessibilidade


A Amazon.com foi multada em US$ 886,55 milhões (€ 746 milhões) pela União Europeia por processar dados pessoais em violação ao GDPR (Regulamento Geral de Proteção de Dados) do bloco de países, afirmou a empresa hoje (30).

A CNPD (Comissão Nacional de Proteção de Dados de Luxemburgo) impôs a multa à Amazon Europe Core em uma decisão de 16 de julho, conforme divulgou a empresa. “Acreditamos que a decisão da CNPD não tenha mérito e pretendemos nos defender vigorosamente nessa questão”, afirmou a Amazon.

LEIA MAIS: As 11 maiores multas corporativas da história

O GDPR exige que as empresas busquem o consentimento das pessoas antes de usarem seus dados pessoais sob pena de multas pesadas. (com Reuters)

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: