Por dentro de um dos maiores e mais caros iates do Brasil

Divulgação
Divulgação

O iate Azimut Grande 27 Metri, mesmo à distância, chama atenção.

Com imensas janelas de vidro exaltando o azul do mar e do céu, o iate Azimut Grande 27 Metri, mesmo à distância, chama atenção. Em conceito assinado pelo designer italiano Stefano Righini, a embarcação de 350 metros quadrados é feita com fibra de carbono 100% pura, possui cinco suítes, ampla área de lazer com lounge, sala de jantar, área de bar, espaço gourmet e jacuzzi ao ar livre. Além de tudo, é uma produção completamente brasileira e, segundo o fabricante, é o maior e mais caro iate do mercado nacional: custando R$ 55 milhões.

A primeira versão do Azimut 27 Metri foi apresentada pela filial italiana da Azimut para o mercado global no final de 2017 em Cannes, no Cannes Yachting Festival. A partir disso, a embarcação participou de diversos boat shows, com aparições internacionais. Atualmente, cerca de 35 unidades do iate foram vendidas no mundo. A produção brasileira se tornou viável com o sucesso em outras partes do globo e começou por aqui no final de 2019. Em agosto deste ano, a primeira unidade brasileira da embarcação foi vendida e há planos de entregar mais duas até o final do ano.

LEIA MAIS: Por dentro do novo iate de luxo da Gresham: embarcação tem design futurista, desempenho e segurança

Segundo o CEO da Azimut no Brasil, Davide Breviglieri, a possibilidade de um caráter puramente nacional do superiate é algo a se comemorar. “Em nossas outras embarcações, as partes de fibra são importadas. Agora, com o 27 Metri, temos a oportunidade de produzir integralmente o barco, pois criamos os moldes e fabricamos todas as partes de fibra aqui no nosso estaleiro de Itajaí, em Santa Catarina. Então, isso é de fato para nós uma conquista maravilhosa, importantíssima”, diz. Além disso, o CEO revela que o lançamento era algo muito esperado pelos clientes brasileiros que já conheciam o produto. “É um barco que conquistou a opinião pública e ganhou muitos prêmios no exterior, então nossos consumidores estavam pedindo fortemente a chegada por aqui.”

A filial brasileira do grupo, que existe desde 2010, já produziu mais de 300 embarcações de alto luxo, ultrapassando R$ 1,05 bilhão em vendas. Só o faturamento neste ano náutico –setembro 2019/2020– foi em torno de R$ 250 milhões, um recorde para a Azimut Yachts Brasil. Para Breviglieri, embora o momento da economia nacional seja conturbado, o setor passa por mudanças que recepcionam muito bem um lançamento como o do 27 Metri. “Nós estamos saindo de uma percepção daquele luxo de ostentação que existia há alguns anos. Hoje, o luxo de verdade é uma salada de boas colocações muito valiosas: conforto, lazer, prazer, beleza, segurança e sustentabilidade.”

Como um match perfeito, as necessidades dos clientes encaixam perfeitamente com as características do iate. “É um barco que explora estética e segurança de forma muito intensa. As dimensões das janelas e a utilização da fibra de carbono, por exemplo, nos permite um nível de conforto, beleza e segurança que é absoluto”, destaca o CEO.

Exemplo claro disso são os ambientes internos e externos. Na parte frontal da proa, há um ambiente com lounge, que também pode ser considerado um terraço de convivência com vista para o mar. Já a parte traseira da popa apresenta duas funcionalidades marcantes: o deck que pode ser utilizado como “beach area” e a garagem espaçosa capaz de carregar uma pequena embarcação ou moto aquática de até 4,50 m x 2 m.

No flybridge, terceiro pavimento, também é possível armazenar outra pequena embarcação ou moto aquática de até 3,30 m x 1,70 m. Além disso, nesse ambiente há uma combinação de áreas de convivência como sala de jantar, área de bar, espaço gourmet, ambientes para descanso e banhos de sol com jacuzzi e bar ao ar livre. Tudo isso conversa perfeitamente com a parte interna do 27 Metri, que oferece até cinco suítes –a do proprietário, duas VIPs e duas de hóspedes– tudo isso com capacidade de configuração personalizada, já que é possível ampliar e diminuir o espaço da cabine master, dando ao proprietário autonomia para decidir quantas suítes o servem melhor.

Além dessas inovações náuticas exploradas pela embarcação, a decoração do iate entrega um show à parte. Pensada pelo arquiteto Achille Salvagni, a parte interna foi planejada para oferecer o máximo de conforto aos passageiros, com peças e mobiliários exclusivamente italianos que mesclam conceitos clássicos e contemporâneos. “Nossas janelas, por exemplo, são muito luminosas. Isso dá uma vivência de arquitetura moderna para o interior do nosso barco”, explica Breviglieri.

VEJA TAMBÉM: Por dentro do iate de férias de Jay-Z e Beyoncé

Para o CEO, isso é exatamente o que o cliente da Azimut quer: sofisticação. “Nossos compradores tem o paladar bem refinado do mundo náutico e nos acompanham há bastante tempo”, explica, revelando o nome de um grande consumidor fiel da marca, capaz de exemplificar o perfil da clientela. “Um nome bem famoso que se acoplou a nossa marca e interpreta tudo que eu falei agora é o Roberto Justus. Ele se aproximou a marca e já possui duas embarcações.”

Assim como Justus, diversos outros seguidores do estaleiro acompanham as novidades e lançamentos da marca. “É muito prazeroso ver como o nosso cliente brasileiro se acopla e acompanha todas as mudanças muito de perto. Isso nos permite crescer numa visão muito expressiva, mesmo dentro de um cenário global em que a gente ainda é bastante tímido”, diz Breviglieri, completando que esse comportamento ajuda a marca na estratégia de produção de barcos mais ousados e cada vez maiores, como Azimut Grande 27 Metri. “Eu diria o seguinte: nos da muito orgulho dizer que estamos no Brasil replicando perfeitamente o estilo da náutica mais moderna e contemporânea que há no mundo.”

Veja na galeria abaixo as imagens do superiate brasileiro:

  • Há diversos ambientes de convivência na embarcação.

    Divulgação
  • A parte traseira da popa oferece um deck que pode ser utilizado como “beach area”.

    Divulgação
  • A superestrutura em fibra de carbono possibilita uma série de confortos como grandiosas paredes de vidro, mais leveza, estabilidade e a amplitude de seu volume.

    Divulgação
  • A parte frontal da proa surpreende com um ambiente lounge mais reservado e discreto que também pode ser considerado um terraço para o mar.

    Divulgação
  • A decoração mescla características clássicas e contemporâneas.

    Divulgação
  • O superiate apresenta uma perfeita harmonia entre linhas curvas e grandes janelas que ocupam quase todo o pé-direito do salão principal e laterais da embarcação.

    Divulgação
  • A Azimut Grande 27 Metri foi planejada para oferecer o máximo de conforto e privacidade ao proprietário e seus convidados.

    Divulgação

Há diversos ambientes de convivência na embarcação.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).