Grand Marnier lança conhaque mais antigo e raro de sua história

A partir de uma receita antiga da marca, foram feitas apenas mil garrafas do rótulo Quintessence, R$ 16.500 cada.

Elizabeth Brownfield
Compartilhe esta publicação:
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Cada garrafa de conhaque Quintessence custa R$ 16.500

Acessibilidade


Conhaque, essência de laranja, madeira e tempo: com o lançamento de Quintessence, a Grand Marnier está provando o quão profunda e complexa pode ser a combinação desses quatro elementos nas mãos de um mestre destilador.

Grande Cuvée Quintessence é o primeiro de dois grand cuvées da linha Exceptional Range da maison francesa, ambos lançados este ano em quantidades muito limitadas. O segundo, Révélation, chegará no final de 2022.

LEIA MAIS: Os 15 vinhedos mais lindos do mundo, segundo o Instagram

Enquanto a maioria de nós conhece o popular licor de laranja do Grand Marnier como um componente essencial para coquetéis clássicos como margarita, old fashioned e sidecar, Quintessence é muito diferente: um licor raro e excepcional, que deve ser tomado e saboreado por conta própria. Na verdade, é o conhaque mais antigo e raro da longa história do Grand Marnier, iniciada em 1880, quando Louis-Alexandre Marnier Lapostolle começou a misturar o conhaque francês com Citrus Bigaradia, uma laranja amarga e altamente aromática.

Quintessence foi inspirado por uma receita histórica do Grand Marnier – descoberta nos arquivos da marca pelo mestre destilador Patrick Raguenaud -, que pede a maceração de laranja Bigaradia em conhaque. Elaborado com conhaques hors d’âge (com idades superiores a 30 anos) exclusivamente de Grande Champagne e reservas da adega pessoal da família Marnier Lapostolle, a bebida é então misturada com cascas de laranja Bigaradia maceradas e duplamente destilada para criar profundidade de sabor.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O resultado é um licor rico e aveludado de cor cobre, com aromas brilhantes de baunilha, amêndoa e flor de laranjeira, e notas complexas e amadeiradas de noz torrada, frutas de caroço e laranja amarga. “É uma experiência rara beber isso, até por imaginar que esse tipo de conhaque é raro. A sensação, o gosto, a percepção do que você cheira, é inesquecível”, disse Raguenaud.

Apenas 1.000 garrafas de Quintessence foram feitas, cada uma engarrafada em um elegante decantador curvo Baccarat de duas peças, com um design de redemoinho sexy e uma base. Como cada peça é soprada individualmente por artesãos da Baccarat, cada uma delas é única.

Para comemorar o lançamento, Grand Marnier fez uma festa glam no Baccarat Boutique B Bar & Lounge, no badalado Design District de Miami. Os convidados – incluindo formadores de opinião dos círculos da arte, moda e design da cidade – foram recebidos por uma instalação multissensorial que ilustra as vistas, aromas e sons usados ​​na elaboração do raro conhaque cuvée.

Então, os convidados foram os primeiros a provar Quintessence. O conhaque mais antigo e mais raro da longa e célebre história do Grand Marnier foi servido de sua deslumbrante garrafa sob medida sob os lustres cintilantes do Bar Baccarat.

Grande Cuvée Quintessence é vendido por US$ 3.500 (R$ 16.500, na cotação atual) e está atualmente disponível para pré-encomenda no ReserveBar.com. Os envios serão feitos em maio.

Compartilhe esta publicação: