6 passos para vencer a procrastinação em 2022

Procrastinar tem mais a ver com gerenciar as emoções negativas do que com a gestão do tempo em si. Veja como lidar com elas.

Bruno de Lima
Compartilhe esta publicação:
Getty
Getty

Técnicas de gestão podem ajudar a evitar a procrastinação, mas não são o suficiente para acabar com ela

Acessibilidade


Deixar a procrastinação de lado é um passo importante para cumprir as metas colocadas na virada do ano. E, ainda que aplicativos e ferramentas ajudem a organizar as ações para alcançar objetivos, pesquisas recentes que revelam que a procrastinação está mais relacionada com a gestão das emoções do que com a gestão do tempo. Muitas vezes, o que nos impede de por planos em prática está mais ligado a evitar emoções negativas do que necessariamente falta de tempo. “As atividades que colocamos de lado geram alguma emoção negativa, são chatas, difíceis ou despertam em nós o medo do fracasso”, diz Caroline Marcon, consultora organizacional.

A comunicóloga Jessica Myrick, da Universidade de Indiana, publicou um estudo que aponta que o motivo de muitas pessoas procrastinarem é o simples ato de buscar algum sentimento positivo. E assim, em vez de terminar o formulário para se candidatar a uma bolsa de estudos, quando você percebe está lavando louça ou regando as plantas – uma lista que pode ser imensa quando se está trabalhando em home office. “Ainda que proporcione melhoria instantânea no humor, a procrastinação, por comprometer objetivos mais arrojados, tende a desencadear ansiedade e culpa; o início do estresse”, diz Marcon que, junto com outros ,  especialistas no assunto, dão aqui dicas para você começar o ano focado no que deseja realizar.

1. Autoconhecimento é um bom começo

Um acompanhamento psicoterapêutico pode ajudar procrastinadores em série, especialmente se a metodologia usada é a cognitivo-comportamental – ou TCC. Caroline Marcon também recomenda que as pessoas trabalhem o autoconhecimento para entender seus pontos fracos. “Preste atenção nas próprias emoções e quando sentir vontade de procrastinar, pergunte-se qual é a coisa mais simples que é preciso fazer para atingir o objetivo almejado começando agora.”

2. Execute pequenas tarefas

O objetivo é mover a mente dos pensamentos desconfortáveis para ações práticas e simples. É importante agir, mesmo em pequena escala, a fim de driblar os sentimentos negativos associados a tarefas chatas e difíceis. Essas atividades laborais consideradas desagradáveis vão ficando um pouco mais fáceis se forem executadas no modo ‘um dia de cada vez’, até que se tornem habituais.

SAIBA MAIS: Como ser um bom líder: foco em relações, não em tarefas

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

3. Comece pelo mais difícil 

Uma das técnicas que a ajudam a evitar a procrastinação é sempre começar pela tarefa mais difícil. Pense sobre o motivo que essas tarefas ajudam a atingir o objetivo, ainda que sejam complicadas ou entediantes.  Para evitar que sejam adiadas mais uma vez, comece o seu dia com uma delas.

4. Reduza as distrações 

Um estudo divulgado pela Associação Americana de Tecnologia descobriu que ter seu celular por perto, mesmo que você não o esteja usando, pode fazer com que você tenha um desempenho 20% pior do que se estivesse fora de vista. Você também pode usar aplicativos para bloquear sites que causam distração ou até mesmo restringir o acesso a internet. 

5. Use a Lei de Eficiência Forçada

A Lei da Eficiência Forçada afirma que “nunca há tempo suficiente para fazer tudo, mas sempre há tempo suficiente para fazer a coisa mais importante. Em muitas situações e cargos, o cenário ideal de ficar “em dia” com todos os projetos não é realista. Uma meta mais alcançável é ficar no controle de suas tarefas mais críticas. Pergunte a si mesmo qual a maneira mais valiosa de usar seu tempo e encare como um investimento.

6. Organize seu tempo

Evitar a fadiga de um esforço contínuo pode ser um dos caminhos para evitar a procrastinação também. Uma das estratégias para conseguir conciliar trabalho e conforto é a técnica Pomodoro. Nela, uma pessoa executa uma atividade com foco total em um período curto de tempo, de aproximadamente 30 minutos, e na sequência faz um pequeno intervalo para descanso da mente. Depois de quatro períodos de trabalho, o intervalo é maior, indo de 10 a 30 minutos.

O Deep Work é outra forma de aprimorar o foco. Proposta inicialmente por Cal Newport, professor da Universidade Georgetown, essa é uma técnica que propõe elevar sua capacidade cognitiva ao eliminar distrações. Para aplicá-la, é importante transformar o hábito em rotina. Determine um horário do dia em específico que irá praticar o Deep Work. Também procure trabalhar no mesmo ambiente sempre, sem barulho ou interrupções. Esse mesmo ambiente deve ser limpo e livre de poluição visual. Para maximizar o efeito da técnica, comece praticando por períodos curtos, como de 20 a 30 minutos, e escale até o máximo de 4 horas por dia. Marcon também te recomenda a usar a pressão do tempo a seu favor, estabelecendo um tempo mais curto do que levaria normalmente. 

 

Compartilhe esta publicação: