Quer um novo emprego? Na crise, é mais fácil crescer onde você já está

Com as ondas de demissões em startups e o desemprego, fica mais fácil crescer dentro da própria empresa. Especialistas mostram um passo a passo

Fabiana Corrêa
Compartilhe esta publicação:
Westend61/Getty Images
Westend61/Getty Images

Em momentos de crise, crescer na empresa onde você já está pode ser mais simples do que procurar uma vaga em outro lugar. Especialistas em carreira mostram que participar de projetos em outros departamentos pode ser um bom caminho

Acessibilidade


O desemprego está atingindo muitos mercados, incluindo o das antes promissoras startups. Com isso, a possibilidade de conseguir uma vaga e mudar de empresa diminui e, se você está empregado, pode ser mais simples se movimentar dentro da própria companhia. Nela, você já tem uma história e as pessoas já conhecem seu desempenho, logo pode ser mais simples do que conquistar uma vaga no mercado. “Se você gosta da cultura da empresa e quer apenas ampliar sua carreira, ficar na mesma empresa e procurar oportunidades dentro dela pode ser o melhor caminho”, diz Paula Esteves, CEO da Cia de Talentos, consultoria de carreira.  Veja um passo a passo para ampliar sua carreira sem sair de onde está.

Livre-se da síndrome do impostor

Confiar na capacidade de conquistar um novo espaço na empresa parece óbvio, mas é o que impede muita gente de tentar uma promoção ou um novo cargo em outro departamento ou país. “Isso vale especialmente para mulheres, que dificilmente acham que estão prontas para o próximo passo”, diz Esteves.

Leia também: Conseguir uma mentoria pode mudar sua carreira e sua vida

Trace seu plano

Analise qual seria seu próximo passo dentro da companhia: para qual departamento ou cargo você gostaria de ir? Com essa resposta, é possível traçar um plano de desenvolvimento que pode incluir educação, networking, novos projetos. Especialmente se sua empresa não tem um plano estruturado de carreira, é importante estudar o que está acontecendo acima de você para começar a agir. “Se você tem uma vaga em mente, precisa entender o que ela demanda para saber se você já tem as habilidades necessárias”, Karen Novaes, recrutadora para América Latina da empresa. “Converse, chame para um café, fale com líderes das áreas, busque informações em fontes diferentes.”

Busque desenvolvimento interno

Há diversas maneiras de se preparar para um novo cargo, seja no seu departamento ou em outro. “No Google temos um programa em que é possível os funcionários se dedicarem a projetos em outras áreas e, com isso, desenvolver habilidades que podem ser úteis onde já atuam ou em mesmo outras posições que almeje”, diz Karen Novaes, recrutadora para América Latina da empresa.

Ainda que sua companhia não tenha um programa formal de colaboração, você pode candidatar-se a fazer parte de um projeto em que possa levar seus conhecimentos e também aprender algo extra, além de conhecer gente nova – e se tornar conhecido em outros departamentos. “Se você trabalhar de maneira colaborativa com outras áreas, demonstra que está interessado no negócio como um todo e que tem proatividade”, diz Esteves.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Além disso, em tempos de trabalho híbrido, essa colaboração pode ser uma maneira de ser notado por pessoas que nem sempre estão no escritório.

Inscreva-se aqui para o Leading the Future, o curso de liderança da Forbes com a SingularityU 

Converse sobre uma promoção

Se você está preparado para essa conversa, fale diretamente com seu chefe direto para entender se é possível dar o próximo passo na carreira. “Fale de suas realizações, dos resultados que alcançou e aproveite para perguntar sobre suas possibilidades de crescimento interno”, diz Paula Esteves.

Nesse momento, é importante demonstrar que você se identifica com a empresa e quer continuar nela. Discuta suas contribuições específicas que você fez e cursos ou treinamentos realizados que podem ajudar na nova função.  Apronte um um pitch com todas as suas realizações ao longo do ano passado. Discuta as suas contribuições e relembre detalhes  dos projetos e tarefas que você concluiu e que contribuíram para o resultado da empresa. Para subir dentro de uma organização, você precisa agir de acordo com o papel que você quer ocupar, então comece desde já a agir como tal. 

Juntos, você e seu gestor podem traçar um caminho rumo à função desejada. 

Considere “crescer para os lados”

Se não houver espaço naquele momento, repense as possibilidades. “A gente considera que se movimentar lateralmente ou ir para outro país também é um desenvolvimento de carreira”, diz Novaes, do Google. Além de procurar seu chefe direto, conversar com a área de gente ou RH pode ajudar você a explorar outros caminhos e ampliar sua busca. 

Depois de identificar qual função você deseja, faça uma avaliação de seus talentos. Se você não tiver algumas das habilidades necessárias, pergunte ao seu gerente e ao RH se a empresa oferece qualificação, treinamento, coaching, acesso a cursos online, credenciamentos e lições para aprender novas tecnologias que o ajudarão a subir na escada corporativa.

Uma outra saída para ficar mais contente com sua posição atual é pensar nos aspectos que você ama e naquelas tarefas que podem ser repassados ​​para outra pessoa – e levar isso para a gestão. Assim você ganha tempo e pode assumir responsabilidades adicionais que podem levar a um novo cargo no futuro. 

Leia também: 5 dicas para ampliar sua visibilidade dentro da empresa

Vá ao escritório

Uma pesquisa da Society of Human Resource Management, a maior organização de recursos humanos nos Estados Unidos, revelou que os gestores geralmente ignoram os funcionários que estão sempre em casa. Por isso, ir ao escritório pode ser uma vantagem competitiva. Encontros fortuitos podem levar a relacionamentos com pessoas que podem ter impacto em sua carreira interna. Quando surgir a chance, pergunte às pessoas como você pode ajudá-las. Ofereça-se para assumir novas tarefas e responsabilidades. 

 

 

 

 

Compartilhe esta publicação: