Tráfego de passageiros no aeroporto de Guarulhos desaba 88% no 2º tri

ReutersConnect/Amanda Perobelli
ReutersConnect/Amanda Perobelli

Vista da área de embarque do aeroporto de Guarulhos durante a pandemia do coronavírus

O tráfego de passageiros no Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos no segundo trimestre foi 88% menor do que em igual etapa de 2019, informou hoje (6) a Invepar, mostrando os efeitos agudos das medidas de isolamento social para conter a pandemia do coronavírus.

Integrante do consórcio que administra o terminal, o maior do país, a Invepar informou ainda que em junho o movimento de passageiros foi 35% maior do que em maio, mas insuficiente para evitar uma queda de 86% no comparativo com junho de 2019.

LEIA MAIS: OMS diz estar revisando possibilidade de transmissão da Covid-19 pelo ar

De abril a junho, o transporte de cargas pelo aeroporto foi 52% menor ano a ano. Isoladamente, em junho o movimento de cargas no terminal caiu 5% contra maio e 46% ano a ano. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Inscreva-se no Canal Forbes Pitch, no Telegram, para saber tudo sobre empreendedorismo.

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).