Apresentado por       

Zoom dobra previsão de receita em 2020 com alta de trabalho remoto

Empresa tem cerca de 265.400 clientes com mais de 10 funcionários, um aumento de quase quatro vezes em relação à base de um ano antes

Redação
Apresentado por       
Compartilhe esta publicação:

A Zoom teve receita de US$ 328,2 milhões, superando as estimativas de analistas de US$ 202,7 milhões

Acessibilidade


A Zoom Video Communications quase dobrou as expectativas de receita anual ontem (2), à medida que mais pessoas trabalham em casa e se conectam com amigos online durante os bloqueios por coronavírus.

As ações da empresa da Califórnia subiram quase 5% no after-market depois que a receita e o lucro no primeiro trimestre também superaram as estimativas do mercado por uma ampla margem.

VEJA TAMBÉM: Inscreva-se no Canal Forbes Pitch, no Telegram, e fique por dentro de tudo sobre empreendedorismo

A empresa foi criticada no período por questões de privacidade e segurança, o que a levou a investir em atualizações do serviço. Mas o relatório trimestral mostrou que a empresa agora tem cerca de 265.400 clientes com mais de 10 funcionários, um aumento de quase quatro vezes em relação à base de um ano antes.

A companhia concorre com Webex, Teams e com a plataforma Meet, do Google, oferecendo uma versão gratuita para consumidores.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A Zoom teve receita de US$ 328,2 milhões, superando as estimativas de analistas de US$ 202,7 milhões, segundo dados da Refinitiv. Embora a receita da Zoom tenha subido, seus custos aumentaram ainda mais. O custo da receita da empresa aumentou 330%, para US$ 103,7 milhões, o que reduziu a margem bruta para 68,4%, ante 80,2% um ano antes.

Um dos maiores custos da Zoom são os data centers e a banda para hospedar chamadas. A empresa administra algumas de suas centrais de processamento de dados, mas também paga pelos serviços de computação em nuvem da Amazon Web Services e da Microsoft, e em abril adicionou a Oracle como fornecedor.

Em termos ajustados, a empresa ganhou US$ 0,20 por ação no trimestre, superando a estimativa de analistas de US$ 0,09.

A Zoom elevou a previsão de receita para o ano, da faixa de US$ 905 milhões a US$ 915 milhões para a de US$ 1,78 bilhão a US$ 1,8 bilhão. Analistas, em média, previam receita de US$ 935,2 milhões. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Inscreva-se no Canal Forbes Pitch, no Telegram, para saber tudo sobre empreendedorismo.

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: