Telefônica Brasil tem lucro 25% maior no 3º tri, mesmo com queda na receita

Forbes/Reprodução
Forbes/Reprodução

A margem Ebitda do trimestre caiu para 40%

Uma melhora do resultado financeiro, combinado com menores despesas com impostos, levaram a Telefônica Brasil a aumento de lucro no terceiro trimestre, mesmo com leve queda na receita devido aos efeitos econômicos da pandemia da Covid-19.

A operadora de telecomunicações afirmou ontem (27) que teve lucro líquido de R$ 1,2 bilhão entre julho e setembro, um aumento de 25,5%.

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

A receita líquida da companhia encolheu 2,3% no comparativo anual, para R$ 10,79 bilhões, pressionada pelo recuo de 6,6% no serviço de telefonia fixa, impactada pela queda das receitas de voz, TV por assinatura e dados corporativos. No segmento móvel, a receita ficou estável.

A dona da marca Vivo conseguiu compensar parcialmente os efeitos da queda nas receitas com maior disciplina nas despesas, com os custos operacionais diminuindo 0,6%, para R$ 6,47 bilhões.

Ainda assim, o resultado operacional medido pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) do trimestre, de R$ 4,32 bilhões, foi 4,8% menor do que um ano antes, mesmo vindo praticamente em linha com a previsão de analistas da Refinitiv, de R$ 4,35 bilhões. A margem Ebitda do trimestre caiu 1,1 ponto percentual, para 40%. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).