Valor da Stripe, de pagamentos digitais, sobe para US$ 95 bilhões após rodada de captação

Brendan McDermid/Reuters
Brendan McDermid/Reuters

A última rodada de capital levantou US$ 600 milhões e incluiu como investidores das seguradoras Allianz e AXA

A Stripe viu seu valor de mercado disparar para US$ 95 bilhões depois da mais recente rodada de captação de recursos, que fez a gigante de pagamentos digitais superar a SpaceX como startup mais valiosa dos Estados Unidos.

Fundada em 2010 por Patrick e John Collison, quando os irmãos irlandeses tinham mal saído da adolescência, a Stripe é usada por mais de 50 companhias, cada uma processando mais de US$ 1 bilhão por ano.

A lista de clientes inclui Google, Uber e Amazon e mais recentemente Maersk e Jaguar Land Rover.

A última rodada de capital levantou US$ 600 milhões e incluiu como investidores das seguradoras Allianz e AXA, além de companhias como Fidelity, Sequoia Capital e o fundo soberano da Irlanda.

A empresa disse que vai usar o capital para investir em suas operações na Europa, que incluem 31 dos 42 países em que a Stripe tem atividade, e expandir sua rede global de pagamentos.

Valendo US$ 95 bilhões, a Stripe atualmente é mais valiosa que qualquer banco da zona do euro.

“A pandemia nos ensinou muitas coisas sobre a sociedade, incluindo o que pode ser obtido, e pago, online”, disse o vice-presidente financeiro da Stripe, Dhivya Suryadevara. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).