Casa Branca diz que inflação é vista como fenômeno transitório

Já o presidente do Federal Reserve de Dallas demonstrou preocupação e considera movimento como um risco.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Jonathan Ernst/Reuters
Jonathan Ernst/Reuters

“Espero que tudo se resolva nos próximos meses”, afirma Cecilia Rouse, assessora econômica da Casa Branca

Acessibilidade


A população vê o atual aumento da inflação nos Estados Unidos como um fenômeno transitório, afirmou a assessora econômica da Casa Branca, Cecilia Rouse, hoje (14).

Falando a repórteres na Casa Branca, Rouse disse que um descompasso entre a oferta e a demanda devido à pandemia e à recuperação econômica tem impulsionado a inflação, mas que o descompasso deve ser temporário.

LEIA TAMBÉM: Piora no cenário fiscal alteraria política monetária e juro neutro, diz Campos Neto

“Espero que tudo se resolva nos próximos meses”, disse ela.

Embora a maioria das autoridades do Fed (Federal Reserve) também enxerguem o movimento como transitório, o presidente do Fed de Dallas, Robert Kaplan, levantou hoje (14) a possibilidade do aumento da inflação norte-americana ser preocupante.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

“O que você não sabe é, dependendo de quanto tempo isso prossiga, se isso começa a ficar embutido nas expectativas de inflação, e você se preocupa que as expectativas de inflação comecem a ficar mais elevadas, e então você as está elevando para um nível que não é consistente em ancorá-las a 2%”, disse Kaplan à Austin McCombs School of Business, na Universidade do Texas. “Essa é a parte que me preocupa – isso é um risco para mim.” (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: