Investidores mantêm confiança nas ações apesar de liquidação de tecnologia, diz Bank of America

Investidores retiraram recursos de títulos e moedas nos primeiros 20 dos 23 dias de negociação do ano.

Reuters
Compartilhe esta publicação:

Matteo Colombo/Reuters

Acessibilidade


Investidores injetaram dinheiro nas ações e retiraram recursos de títulos e moedas, sem sinais de diminuição das alocações no mercado acionário, mostrou um relatório semanal de fluxos do Bank of America nesta hoje (4).

Nos primeiros 20 dos 23 dias de negociação do ano os mercados de ações registraram entradas líquidas de mais de US$ 106 bilhões, disse o BofA, usando dados da EPFR.

Em base semanal, as ações da Europa registraram as maiores entradas desde maio de 2017, enquanto os mercados emergentes tiveram ingressos líquidos nas últimas sete semanas.

SAIBA MAIS: Wall Street deve seguir em baixa no curto prazo, apontam analistas

Em contraste, os mercados de renda fixa registraram saídas generalizadas, com exceção dos fundos de títulos do governo.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Os níveis de caixa também estão aumentando, embora ainda não haja sentimento de aversão a risco nos fluxos para as ações. Os ‘clientes privados’ do BofA –que administra US$ 3,2 trilhões em ativos– tinham 11,7% de seu patrimônio em dinheiro, embora tenham comprado ações, em termos líquidos, pela nona semana consecutiva.

Compartilhe esta publicação: