Intelbras anuncia distribuição de cerca de R$ 58 milhões em proventos; veja os destaques do Radar

Últimas notícias sobre: B3, Banco do Brasil, Omega Energia, Neoenergia, Vale, Cielo e Mercado Livre.

Isabella Velleda
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


No Forbes Radar de hoje (8), a Intelbras anunciou a distribuição de dividendos e JCP nos valores de R$ 47,7 milhões e R$ 10,4 milhões, respectivamente, com base na posição acionária do dia 10 de março.

Já a B3 anunciou a nomeação de André Veiga Milanez como o novo diretor executivo financeiro e de relações com investidores. Milanez, que era diretor financeiro e está na companhia desde 2009, sucederá Daniel Sonder, que deixará o cargo em 29 de abril.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Veja esses e outros destaques corporativos do dia:

Intelbras (INTB3)

A Intelbras anunciou a distribuição de dividendos no valor de R$ 47,7 milhões e de JCP (juros sobre capital próprio) no montante bruto de R$ 10,4 milhões, que, após deduzido o valor relativo ao IRRF (Imposto de Renda Retido na Fonte), importam o valor líquido de R$ 8,8 milhões.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Poderão receber os proventos os acionistas titulares de ações de emissão da Intelbras ao final do pregão de quinta-feira (10). Os acionistas terão seus créditos disponíveis a partir do dia 21 de março de 2022, os quais não estarão sujeitos a atualização monetária ou juros.

B3 (B3SA3)

A B3 anunciou a nomeação de André Veiga Milanez como o novo diretor executivo financeiro e de relações com investidores.

Milanez, que era diretor financeiro e está na companhia desde 2009, sucederá Daniel Sonder, que deixará o cargo em 29 de abril para assumir novas responsabilidades em empresa no exterior.

No comunicado, a B3 afirmou que a nova composição da diretoria fortalece sua capacidade de atender a seus clientes como centro de suas decisões e reflete a crença na formação de lideranças internas.

Banco do Brasil (BBAS3)

O Banco do Brasil atualizou os valores a serem pagos em dividendos e JCP aos seus acionistas, de R$ 0,3622 e R$ 0,4624 por ação, respectivamente.

O valor compreende a remuneração complementar aos acionistas referente ao quarto trimestre de 2021 atualizado pela taxa Selic até a data do pagamento, na sexta-feira (11).

Omega Energia (MEGA3)

A Omega Energia assinou acordo vinculante para adquirir o complexo eólico Assuruá, na Bahia, por pelo menos R$ 260 milhões.

Quando estiverem completamente operantes em 2023, os projetos Assuruá 4 e 5 deverão adicionar aproximadamente R$ 380 milhões ao Ebitda anual da empresa.

Neoenergia (NEOE3)

Já a Neoenergia informou a distribuição de R$ 67,8 milhões em JCP referentes à sua subsidiária Elektro. O montante equivale a R$ 0,3326 por ação ordinária e R$ 0,3658 por ação preferencial.

Terão direito aos proventos os acionistas posicionados ao fim do pregão de 5 de janeiro.

Vale (VALE3)

A Vale informou que fortes chuvas causaram movimentação de terra na ferrovia EFC (Estrada de Ferro Carajás), no município Bom Jesus das Selvas, Maranhão, causando a suspensão temporária da circulação de trens.

O incidente não gerou vítimas e o local afetado passa por avaliação. As operações de mina e porto seguem operando normalmente por meio de gerenciamento de estoques.

A Vale espera concluir as atividades de manutenção do trecho até quarta-feira, dia 9 de março, e com isso retomar as atividades de expedição ferroviária. Segundo a empresa, o impacto na produção será mínimo e compensado ao longo do ano.

Cielo (CIEL3)

A Cielo comunicou que seu conselho de administração aprovou a eleição de Filipe Augusto dos Santos Oliveira como CFO e diretor de RI.

Oliveira iniciou sua trajetória na Cielo em 2016, inicialmente à frente da área de estratégia, onde atuou na elaboração e execução da estratégia de transformação da companhia. Ao longo desse período assumiu também a liderança das funções de planejamento financeiro e M&A.

Mercado Livre (MELI34)

O Mercado Livre informou que os dados de cerca de 300 mil de seus usuários foram acessados ontem (7), após detectar que parte de seu código-fonte foi alvo de acesso não autorizado.

A companhia afirmou em comunicado que não encontrou nenhuma evidência de que seus “sistemas de infraestrutura tenham sido comprometidos ou que tenham sido obtidas senhas de usuário, saldos em conta, investimentos, informações financeiras ou de cartão de pagamento”.

Com cerca de 140 milhões de usuários únicos, o Mercado Livre é o maior portal de comércio eletrônico da América Latina e soma-se a Itaú Unibanco e Nubank, que tiveram problemas com tecnologia nas últimas semanas. (Com Reuters)

Compartilhe esta publicação: